Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Jogos de passe, drible e brincadeiras como estratégias para o ensino do futsal nas aulas do CAp UFRJ

 

29/10/2009

Autor e Coautor(es)
Moacyr Barreto da Silva Junior
imagem do usuário

RIO DE JANEIRO - RJ COL DE APLIC DA UNIV FED DO RIO DE JANEIRO

Marcos Vinícios Pimentel de Andrade Camilo Araújo Máximo de Souza

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Educação Física Atitudes, conceitos e procedimentos: esportes, jogos, lutas e ginásticas
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

Executar diferentes formas de drible.
Estimular o engajamento na marcação ao adversário.
Vivenciar os vários tipos de passes: rasteiro, alto, com a parte interna do pé.
Aprender novas maneiras de brincar que valorizando a cultura corporal.

Duração das atividades
Uma aula de 50 minutos.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Nesta aula os alunos não precisam ter conhecimentos prévios.

Estratégias e recursos da aula

A primeira atividade desenvolvida será o pique “foge balão”, antes de começar a brincadeira cada aluno deve receber uma bola de gás e um pedaço de barbante, a bola depois de cheia deve ser presa ao tornozelo do aluno. O objetivo dessa brincadeira é estourar a bola do colega, para que isso aconteça é preciso pisar em cima da bola, cada aluno que tiver a bola estourada sai do jogo, o pique termina quando apenas um jogador estiver na quadra com a bola ainda cheia este será considerado o vencedor da brincadeira. Os alunos podem fugir correndo por toda a quadra, porém não podem sair dela se isto acontecer o jogador perde o direito de brincar naquela rodada.

Dicas: Professor outra forma de trabalhar com esta brincadeira é dividir a turma em duas equipes mistas com o mesmo número de alunos. As equipes têm como objetivo estourar as bolas do adversário, o time que conseguir estourar todas as bolas do adversário primeiro ganha o jogo. As bolas devem estar amarradas na altura do tornozelo de cada um dos alunos, o pique acontece por toda a quadra.

A segunda atividade desenvolvida será o “jogo dos números” nesta atividade divida a quadra em duas partes iguais e os alunos em quatro grupos mistos com o mesmo número de jogadores em cada grupo. Em cada meia-quadra jogam duas equipes uma contra a outra, dessa forma acontecem dois jogos ao mesmo tempo. Os alunos ficam posicionados em cima das linhas laterais. Uma bola de futsal é colocada no centro de cada metade da quadra. O jogo acontece da seguinte forma, todos os jogadores são numerados, por exemplo, se cada time tiver seis alunos, estes alunos devem ser numerado de 1 a 6. O professor a cada rodada deve escolher um número e anunciar este número para que todos da turma ouçam. No momento que o professor anunciar o número da rodada, por exemplo, número 3 os dois aluno (um de cada grupo) que foram escolhidos para ficar com o número 3, devem se levantar e correr até o centro da quadra para pegar a bola, o aluno deve dominar a bola e fazer o deslocamento utilizando somente os pés para controlar a bola, um jogador pode tentar tirar a bola do domínio do outro sem cometer falta (empurrar, puxar e derrubar). O jogador que conseguir trazer a bola para o seu lado ultrapassando a linha lateral marca um ponto para sua equipe.

Dicas: Não permita que os grupos formados com os alunos tenham mais do que dez jogadores cada um, grupos muito grandes tornam a atividade pouco dinâmica já que os alunos acabam esperando tempo demais para participar das atividades de preferência pela formação de pequenos grupos. Professor para tornar a atividade ainda mais dinâmica coloque mais uma bola no centro da quadra e anuncie dois números (jogadores) de cada vez.

A terceira atividade desenvolvida será o jogo “caixabol com os pés”, divida a turma em três grupos mistos (grupo A, B e C) com o mesmo número de jogadores em cada equipe. Apenas duas equipes começam o jogo na quadra, a terceira equipe aguarda fora da quadra entrando somente no momento em que uma das equipes que estiver na quadra sofrer o segundo gol. Posicione uma caixa de papelão no centro de cada metade da quadra estas caixas vão servir como alvos, as equipes têm como objetivos acertar a caixa que está posicionada na metade da quadra do adversário e proteger a caixa que está na sua meia – quadra. Um gol é marcado todas as vezes que um jogador conseguir acertar a bola dentro da caixa. As duas equipes podem se deslocar por toda a quadra, todas as vezes que a bola for jogada para fora da quadra a bola deve voltar para o jogo através da cobrança de um arremesso lateral. As faltas mais graves (empurrar, agarrar e derrubar) serão punidas com a cobrança de um tiro de cinco metros (de distância) da caixa sem barreira.

Dicas: Permita que as duas equipes marquem gols nas duas caixas, essa mudança estimula os participantes a criarem novas estratégias para marcar gols e não deixar a equipe adve rsária marcar, já qu e nesta nova forma do jogo eles precisam atacar e defender dois gols.
Não permita que um jogo ultrapasse cinco minutos, se durante este tempo nenhuma equipe conseguiu marcar dois gols, interrompa o jogo e peça para a equipe que já atuou em mais partidas que ceda a vez para a equipe que está aguardando do lado de fora. Não deixe que uma equipe jogue mais de três partidas seguidas mesmo que ela tenha vencido as três partidas, ao completar a terceira partida consecutiva à equipe deve ceder o lugar para equipe de fora, dessa forma todos os alunos terão a oportunidade de atuar por um tempo muito parecido evitando que alguns alunos sejam privilegiados durante as aulas.

Recursos Complementares

Consulte o livro:
VOSER. R. C; GIUSTI. J. G. O futsal e a escola: uma perspectiva pedagógica. Porto Alegre: Artmed, 2002.
Consulte os vídeos na Internet;
Vídeos de drible e finta: www.youtube.com/watch?v=BSF3F001RE
Vídeos de passe e apoio: www.youtube.com/watch?v=l9Ka9ZE

Avaliação

Professor peça aos alunos que no momento em que estiverem de fora do jogo, observem como eles executam os fundamentos básicos do futsal: passe, drible, domínio e marcação. A avaliação deve ser feita de uma maneira ampla, o que importa é o desempenho da turma de uma forma geral. Promova um debate no final da aula e peça que eles exponham a sua visão sobre o desempenho da turma nas partidas e se na opinião deles a turma domina de maneira satisfatória estes elementos do futsal. No caso da turma apontar certo grau de comprometimento da atividade por falta de domínio básico destes elementos, peça que os alunos sugiram atividades para melhorar o desempenho da turma.

Opinião de quem acessou

Cinco estrelas 1 classificações

  • Cinco estrelas 1/1 - 100%
  • Quatro estrelas 0/1 - 0%
  • Três estrelas 0/1 - 0%
  • Duas estrelas 0/1 - 0%
  • Uma estrela 0/1 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Gleice Kellen, Univag , Mato Grosso - disse:
    gleice.htinha@hotmail.com

    19/08/2011

    Cinco estrelas

    Muito Criativo e com atividades adaptadas em que inovam as possibilidades do professor de Educação Física Parabéns pela criatividade... Sucesso


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.