Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Como se obtém o sal?

 

16/06/2008

Autor e Coautor(es)
Wesley Pereira da Silva
imagem do usuário

BRASILIA - DF Universidade de Brasília

Wildson dos Santos

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Inicial Ciências Naturais Ambiente
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
• Relacionar o processo de evaporação da água com a obtenção do sal; • Identificar e diferenciar os três tipos de vaporização.
Duração das atividades
Uma aula de 50 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
• Estados físicos da matéria.
Estratégias e recursos da aula

Conteúdos Específicos:
- Evaporação;
- Ebulição;
- Calefação.
 

Recurso educacional:

De onde vem o sal?

Preparando a aula:
Em aula anterior, junto com a turma, informe aos alunos que na próxima aula será estudado como se obtém o sal da água do mar e para isso, a turma vai preparar uma mistura salina, a qual vai se assemelhar a água do mar. Para isso, dissolva com a ajuda dos alunos duas colheres de chá de sal em meio copo de água. Misture bem e transfira para um recipiente raso como um pires. Guarde-o em local seco e arejado. Guarde junto com o pires o recipiente que continha o sal usado no preparo da solução para ser usado na aula seguinte. Para obter o resultado desejado, será necessário que toda a solução recolhida no pires tenha evaporado. Dependendo da localidade da escola e do clima isso poderá demorar até uma semana.
Para esta aula será necessária a existência de televisão conectada a DVD ou computadores disponíveis para os alunos, ou ainda, computador conectado a data show para reprodução do vídeo pelo professor.

Introduzindo a aula: (5 min.)
No inicio da aula, faça a seguinte pergunta aos alunos: Como se obtém o sal? Depois de ouvir as respostas dos alunos, convide-os a assistir ao vídeo.

Desenvolvendo a aula: (25 min.)

Reproduza o vídeo De onde vem o sal? para os alunos e depois lance as seguintes perguntas:

  1. De acordo com o vídeo, como removemos as impurezas da água do mar?
  2. Como se separa o sal da água do mar nas salinas?

Depois de ouvir as respostas dos alunos, proponha a eles que observem o pires com água e sal que foi guardado na aula anterior. Pergunte aos alunos o que aconteceu com a água do pires?
Explique a eles que a água do mar é constituída por uma grande quantidade de sais, os quais foram dissolvidos nas águas dos rios e vão se concentrando no mar que recebe essas águas. Para simular o que acontece com a água do mar, foi usado na aula anterior, o sal doméstico que é constituído basicamente por cloreto de sódio.
Explique que na aula anterior ocorreu um processo de mudança de estado fí sico da & ; ;aac ute;gua para o estado gasoso. A água líquida transformou-se em vapor, o qual se deslocou na atmosfera, subindo até chegar a alturas mais elevadas que vão se concentrar com vapores provenientes de outros lugares e vão formar as nuvens.
Pergunte aos alunos, se eles sabem como chama esse processo de mudança do estado líquido para o estado gasoso. Após ouvir os alunos, passe a explicar o processo de evaporação da água:
Evaporação: consiste na passagem natural e lenta de uma substância do estado líquido para o estado gasoso. Diga aos alunos que eles podem observar a evaporação da água na secagem de uma roupa estendida no varal.
Dando seqüência à aula, pergunte aos alunos se existe alguma forma de acelerar a passagem da fase líquida para a fase gasosa da água? Após ouvir as respostas dos alunos, explique que a passagem do estado líquido para o estado gasoso é chamada de vaporização, enfatizando que quando isso ocorre de uma forma natural no ambiente sem aquecimento externo, o processo é denominado de evaporação.
Pergunte a eles, se sabem como pode ser feito para provocar uma vaporização mais rápida do que o processo natural de evaporação.
Após ouvir as respostas dos alunos, diga que existem dois outros tipos de vaporização:
Ebulição: é uma vaporização rápida acompanhada de aquecimento. Pode ser observada quando, por exemplo, colocamos água para ferver.
Calefação: ocorre quando um líquido é colocado em ambiente superaquecido e vaporiza rapidamente. Um exemplo de calefação é quando deixamos cair algumas gotas de água em uma panela que se encontra em aquecimento.
Após verificar se os alunos compreenderam os conceitos novos, pergunte a eles se sabem explicar porque o sal permaneceu no pires.
Explique que no caso, o sal adicionado na água, o cloreto de sódio, é um sólido que não muda de estado físico na temperatura ambiente. Quando dissolvido, as partículas do cloreto de sódio se separam e ficam misturadas entre as partículas de água, que nós chamamos de moléculas de água. Após a água passar para o estado gasoso, as partículas de cloreto de sódio se juntam novamente, apresentando na forma sólida.
Mostre aos alunos uma porção de sal de cozinha do recipiente de onde foram retiradas as duas colheres de sal no preparo da solução da aula anterior e peça para eles compararem com os cristais obtidos após a evaporação da água.
Pergunte aos alunos se sabem explicar o porquê que o sal se cristalizou com a evaporação da água.
Explique que o cloreto de sódio tem uma propriedade de formar pequenos cristais como os qu e foram obtidos no experimento da aula, com o processo lento de evaporação, em que aos pouc os as partículas de cloreto de sódio foram se reagrupando. O sal de cozinha comercializado não se encontra cristalizado, porque conforme eles viram no vídeo o sal obtido na indústria passa por uma série de etapas, em que o sal obtido é misturado com outras substâncias. Nesse processo, os cristais são desfeitos.

Sistematizando a aula: (20 min.)
Leia as questões com os alunos e disponibilize o restante da aula para os alunos responderem as questões abaixo:

  1. Explique o processo de obtenção do sal em escala industrial.
  2. Por que nas salinas o sal fica em um local seco e arejado?
  3. No experimento com o pires, por que o sal não vaporizou?
  4. Quais são os tipos de vaporização?
  5. Qual a diferença entre evaporação e ebulição?
  6. Dê exemplos de calefação.

 

Sugestões de alternativas para o desenvolvimento da aula
Caso o professor tenha à sua disposição materiais para essa finalidade, ele poderá demonstrar como ocorre a ebulição e a calefação.
Considerando que nas Séries Iniciais, o professor dispõe de todo um turno de aula, esta aula poderá ser estendida em outras, para explorar outros tópicos como processos de filtração e centrifugação mencionados no vídeo e em aulas sobre o sal na dieta humana e sobre o soro caseiro.
 

Recursos Educacionais
Nome Tipo
De onde vem o sal? Vídeo
Avaliação
A avaliação poderá ser feita através da correção das respostas dos alunos às questões propostas na parte de sistematização da aula.
Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 6 classificações

  • Cinco estrelas 2/6 - 33.33%
  • Quatro estrelas 3/6 - 50%
  • Três estrelas 0/6 - 0%
  • Duas estrelas 1/6 - 16.67%
  • Uma estrela 0/6 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.