Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Medindo a Quantidade de Chuva

 

20/01/2009

Autor e Coautor(es)
Lutécia Gasparoto
imagem do usuário

CURITIBA - PR SANTO AGOSTINHO C E E FUND MEDIO

Marcos Paim, Eziquiel Menta

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Matemática Grandezas e medidas
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
Aprender a usar a matemática para interpretar informações sobre a quantidade de chuva e também a efetuar medições de volume de chuva.
Duração das atividades
2 aulas de 50 minutos.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Operações básicas envolvendo área e volume.
Estratégias e recursos da aula

Essa atividade oferece a possibilidade dos alunos trabalharem com a matemática envolvida na na medição da quantidade de chuva. Os alunos podem construir seu próprio pluviômetro e realizar medições e cálculos para chegar à medida correta da quantidade de chuva na sua região.

De onde vem a chuva?

Como abordagem inicial o professor pode perguntar aos alunos de onde vem a chuva. É possível que muitos não tenham entendimento do ciclo da água. O Portal do Professor oferece um ótimo recurso para que os alunos conheçam melhor o ciclo da água.

http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/discovirtual/aulas/1481/imagens/cicloAgua.jpg

Fig. 1 - Objeto de aprendizagem sobre ciclo da água.

Ciclo da água
Recurso disponível em: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/recursos/14437/ciclo_da_agua.swf

A importância de medir a quantidade de chuva

Todos os dias somos informados das condições do tempo, seja pela tv, rádio, jornais ou Internet. Uma combinação de fatores faz parte das informações e previsões. Entre elas, a pressão atmosférica, a temperatura, a umidade e a precipitação, ou seja, a quantidade de chuva em um determinado período de tempo.

Medir a quantidade de chuva é muito importante pois essa informação auxilia na tomada de decisões referentes à agricultura e principalmente em medidas de emergência que podem evitar tragédias envolvendo deslizamentos e enchentes.

Sugerimos que seja perguntando aos alunos sobre a importância de medir a quantidade de chuva. Após uma breve discussão pode-se propor a atividade de construir um equipamento para medir a quantidade de chuva.

Montagem de um Pluviômetro Simples

Existem diversos modelos de pluviômetros, mas para a finalidade dessa aula, propomos um pluviômetro muito simples. Observe a foto abaixo:

http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/discovirtual/aulas/1481/imagens/pluviometro.jpg

Fig. 2 - Sugestão de montagem de pluviômetro simples.

Fonte: Autor

Basicamente um pluviômetro simples como o da imagem acima é composto de uma régua escolar simples, um tubo de plástico e um funil.

O professor pode pedir aos alunos que formem pequenos grupos e providenciem os materiais para que cada grupo monte a sua adaptação de pluviômetro. A próxima etapa é entender como o pluviômetro funciona e como fazer as medidas.

 Como medir a quantidade de chuva

O que significa dizer que a previsão de chuva de um determinado mês em uma determinada cidade deve ser de cerca de 200 mm (milímetros)?

A quantidade de chuva é medida com relação ao metro quadrado. Assim possivelmente teremos 200 mm de altura de água em um quadrado de um metro quadrado. Quanto isso dá em litros?

Nesse momento, pode ser necessária uma revisão do trabalho de transformação de unidades de medida. O exemplo abaixo pode ser apresentado aos alunos para auxiliar no entendimento dos cálculos envolvidos na atividade.

Convertendo a altura para metros temos 200 mm = 0,2 metros.

Volume = área da base x altura

Assim, temos:

Volume = 1 m2 x 0,2 m

Volume = 0,2 m3 (metros cúbicos)

Se 1 metro cúbico = 1000 litros

Volume = 0,2 x 1000 = 200 litros

Isto significa que para cada metro quadrado da cidade, houve uma precipitação total de 200 litros de água ao longo de todo o mês.
 

Usando o pluviômetro simples para medir a quantidade de chuva

  • Primeiro deve-se calcular a área da boca do funil.


Digamos que o funil tenha um diâmetro de 80 mm, portanto com raio = 40 mm ou 4 cm ou ainda 0,04 metros.

Observe a tabela de conversão de unidades:

metro decímetro centímetro milímetro
0 0 4 0



Sua área da boca é dada por:
Área da boca = http://portaldoprofessor.mec.gov.br/storage/discovirtual/aulas/1481/imagens/pi.jpg.R2  (R é o raio)

Área da boca = 3,14 x 42
Área da boca = 3,14 x 16 = 50,24 cm2

  • A segunda etapa consiste em medir a quantidade de água coletada no recipiente, em cm3 . Sabe-se que 1 dm3 de água equivale a 1 litro e que 1 cm3 é igual a 1 ml.


Se, por exemplo, fosse coletado 350 ml de água, teríamos 350 cm3 de água.

  •  A última etapa é calcular a quantidade de milímetros de chuva no período.

Basta dividir o volume de água pela área da boca do funil.
Quantidade de chuva = 350 / 50, 24
Quantidade de chuva = 6,97 cm = 69,7 milímetros (no período medido)

Atividade de Campo: Medição da Precipitação

Cada aluno ou grupo deve realizar a coleta da chuva em período de tempo, efetuar as medidas do seu pluviômetro e efetuar os cálculos acima para chegar a um valor em milímetros. Para discutir os resultados, todos poderiam realizar a medição ao mesmo tempo na escola em um dia chuvoso.

É importante alertar para que não se deixe o pluviômetro com água parada para evitar possíveis problemas como a dengue.

Essa é uma atividade que apresenta melhores resultados de aprendizagem se tiver continuidade. Assim o professor pode pedir que os alunos façam medidas e registros em tabelas ao longo de um mês.

Recursos Educacionais
Nome Tipo
Ciclo da água Animação/simulação
Recursos Complementares
Com os dados coletados os alunos podem construir gráficos e tabelas utilizando planilhas eletrônicas, como por exemplo o BrOffice/Calc (htt://www.broffice.org).
Avaliação
A partir da coleta e análise de dados feitas pelos alunos, pode ser realizada uma apresentação de cada grupo de alunos para toda a turma e os resultados podem ser discutidos e comparados. Essa é uma ótima oportunidade para que os alunos aprendam um pouco mais sobre a importância da padronização na coleta de dados. Dessa forma além de avaliar o aprendizado, o professor pode esclarecer dúvidas e encaminhar novas atividades.
Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 49 classificações

  • Cinco estrelas 37/49 - 75.51%
  • Quatro estrelas 7/49 - 14.29%
  • Três estrelas 3/49 - 6.12%
  • Duas estrelas 0/49 - 0%
  • Uma estrela 2/49 - 4.08%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • luis, ee.chibbata miykosi , São Paulo - disse:
    americo.amancio@gmail.com

    12/10/2014

    Três estrelas

    otimo


  • francismeire, Colégio Est. Emílio Menezes , Paraná - disse:
    fran.vieira@hotmail.com

    22/06/2014

    Três estrelas

    muito boa, porém dentre muitos cálculos poucos realmente os alunos conseguirão fazer e entender, irão passar por uma experiência interessante mas aprendizagem efetiva demanda mais tempo.


  • gentil araujo, Sou servidor púiblico, 60 anos de idade , São Paulo - disse:
    pretoebranco50@terra.com.br

    17/05/2014

    Cinco estrelas

    Com essa falta d'água essa aula veio a calhar. Vou construir uma minicisterna para recolher água da chuva, ainda agora que sei calcular a quantidade que posso armazenar. Aula muito boa.


  • Flávio Viana Gomide, Instituto Federal de Minas Gerais campus Sabará , Minas Gerais - disse:
    fvgomide@gmail.com

    02/03/2014

    Cinco estrelas

    Excelente. Prático e interessante.


  • Raimundo Araujo, Mineradora Esperança , Pernambuco - disse:
    raimundo_araujo2009@hotmail.com

    17/12/2013

    Cinco estrelas

    Excelente, Bem didático.


  • Pojucan do Nascimento, E.E.E.F JOAQUIM VIANA , Pará - disse:
    pojucan.nascimento@hotamail.com

    08/12/2013

    Cinco estrelas

    Ótima! Eu trabalho com alunos do EJA e aplicarei essa atividade junto à classe, até porque o que não falta é chuva em nossa região.


  • Antonio A.Elias, Sou aposentado tenho 68 anos obrigado , São Paulo - disse:
    antonioelias_alves@outlook.com

    23/10/2013

    Cinco estrelas

    tive a curiosidade de pedir uma informação s/quantidade em ml de chuva e fiquei satisfeito c/essa breve aula com excelente informação p/mim que sou leigo no assunto muito obrigado


  • Andréa, cat , Paraná - disse:
    andreapecz@hotmail.com

    03/10/2013

    Cinco estrelas

    Excelente sugestão de aula. Dessa forma que os alunos serão envolvidos no conteúdo e teremos uma aprendizagem muito significativa.


  • laercio rodrigues, riachuelo , Rio Grande do Sul - disse:
    laercionr@terra.com.br

    21/09/2013

    Cinco estrelas

    muito bom!


  • sergio gomes labuto, estacio de sá , Rio de Janeiro - disse:
    sergio_labuto@hotmail.com

    22/07/2013

    Cinco estrelas

    Adorei a sua explicação parabéns.


  • Sandro da Silva Matsinhe, Moçambique - disse:
    sandro-matsinhe@hotmail.com

    29/01/2013

    Quatro estrelas

    Eu gostei da aula.Ela conseguiu esclarecer-me todas as duvidas e estou esclarecido


  • Marcos, UFRJ , Rio de Janeiro - disse:
    mrp498@hotmail.com

    09/01/2013

    Cinco estrelas

    Muito legal, didático e relevante . Essas atividades de campo estimulam os alunos ao aprendizado.


  • Nelson, Portugal - disse:
    nelsonobrega@netmadeira.com

    25/11/2012

    Cinco estrelas

    Muito educativo, sim senhor. Muitos Parabens


  • marcos, colégio arcoiris , Rio de Janeiro - disse:
    Wellingtonxerem@gmail.com

    21/06/2012

    Quatro estrelas

    Muito clara a esplicação.


  • José Bonifacio de Araujo, EMATER-RN , Rio Grande do Norte - disse:
    boni.araujo@hotmail.com

    16/02/2012

    Cinco estrelas

    Informações muito práticas e que podem ser levadas em reuniões e treinamentos para produtores rurais e alunos de escolas básicas


  • Eugênio Pacelli, SENAI , Paraíba - disse:
    eugenio.grassi@oi.com.br

    28/01/2012

    Cinco estrelas

    Muito bem explicado e simples de entendimento e didático.


  • Airiton, --------------- , São Paulo - disse:
    teixeiraairton@hotmail.com

    16/01/2012

    Cinco estrelas

    Era EXATAMENTE a forma de informação que eu procurava: sem rodeios e precisa Obrigado.


  • vito alfano, guelbi engenharia ltda. , São Paulo - disse:
    vito.alfano@globo.com

    14/01/2012

    Cinco estrelas

    vou fazer o download das aulas mas já deu para entender o processo, só gostaria de saber qual a quantidade de chuva em 1 hora é pouco ou muita tantos mm representam chuvisco em 1 hora, tantos mm representam uma chuva moderada, tantos mm representam uma chuva forte. Agradeço


  • jose donizete, particular , Minas Gerais - disse:
    doniagro@hotmail.com

    07/12/2011

    Cinco estrelas

    excelente aula


  • mário paiva, E.E.M. José Alexandre , Ceará - disse:
    marioneypaiva@hotmail.com

    04/12/2011

    Cinco estrelas

    Excelente! Pois podemos desenvolver a interdisciplinaridade, e fazer com que o aluno compreenda essa característica na prática.


  • luiz carlos de souza, escola joão linhares , Minas Gerais - disse:
    luizcarlos.souza@globo.com

    29/11/2011

    Quatro estrelas

    Na verdade, gostaria de um esclarecimento, que não consegui achar na "aula". Qdo. a gente vê, na previsão diária (p.e., p/amanhã, quarta-feira), que vai chover 80 mm isso significa que é DENTRO das 24 horas da quarta-feira, ou seja, de ZERO hora até as 23:59 h? Grato Luiz Carlos ...........................................................................................................................................................................................................................


  • Marcelo xareu, UNIASSELVI , Bahia - disse:
    milllenio@hotmail.com.br

    06/10/2011

    Cinco estrelas

    Salve! Parabéns pelo trabalho ,excelente explicação. Um grande abraço e venha conhecer a cidade que chove muito pouco. e faz sol o ano inteiro. Itacaré...


  • Roberto Dias , Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará , Ceará - disse:
    rdiasdead@gmail.com

    26/09/2011

    Quatro estrelas

    Ótima abordagem, uma vez que nos mostra uma matemática simples e vinculada ao nosso cotidiano.


  • pedro, unef , Bahia - disse:
    pefro@hotmail.com

    22/09/2011

    Cinco estrelas

    muito bom


  • Ana Cláudia , IFPE - Recife , Pernambuco - disse:
    anac.adm@gmail.com

    19/09/2011

    Cinco estrelas

    Ótimo! Linguagem simples e de fácil compreensão.


  • Raissa, Dohms , Rio Grande do Sul - disse:
    icarly.f4a@hotmail.com

    23/08/2011

    Cinco estrelas

    eu acho muito legal essa idéia de como fazer um pluviometro,por que é fácil,e prático de fazer...


  • Edson, Professor Edson , São Paulo - disse:
    edsonqz@uol.com.br

    30/07/2011

    Cinco estrelas

    Ola! Excelente. Mas, que tal dizer que um litro é o mesmo que um dm³, e 200mm é o mesmo que 20dm e um metro é igual a 10dm, assim basta multiplicar 20x10 que teremos 200dm³ que é o mesmo que 200 litros que tal?


  • Joana Diniz, 123 , Espírito Santo - disse:
    joanadegasperi.diniz@hotmail.com

    10/06/2011

    Uma estrela

    Não me ajudou nada Que tal responder isso: por que é importante medir a quantidade de chuva?


  • WHUEDER, IFES-CAMPUS ITAPINA , Espírito Santo - disse:
    WHUEDER-SANTOS@HOTMAIL.COM

    10/05/2011

    Cinco estrelas

    MUITO BOA EXPLICAÇÃO ME AJUDOU MUITO


  • luiz carlos polkorny, defesa civil de caieiras , São Paulo - disse:
    lcpolkorny@uol.com.br

    13/04/2011

    Cinco estrelas

    como funcionario da defesa civil do municipio parabens a todos gostei das informações e sugestões apresentadas. luiz carlos


  • Francisco Filho, Radioamador / Eletrônica , São Paulo - disse:
    py2csy@yahoo.com.br

    12/03/2011

    Cinco estrelas

    Legal a aula. Estou desenvolvendo um pluviômetro eletrônico com as mesmas características do pluviômetro apresentado nesta aula. No fundo do recipiente uso um pequeno e sensível sensor de pressão que varia a tensão (volts) de sua saída conforme a coluna de água no recipiente. Essa tensão é tratada por um circuito eletrônico e mostrada em um display ajustado em milímetros. Abraço para todos. Francisco Filho – PY2CSY / PS7CSY www.qsl.net/py2csy


  • José Airton Honorato dos Santos, FÓRUM CLÓVIS BEVILÁQUA , Ceará - disse:
    airtonhonoratojus@hotmail.com

    25/01/2011

    Quatro estrelas

    Muito proveitosa esta aula gostei bastante, posto que veio a me tirar muitas dúvidas, além de eu haver conhecido outros assuntos que versam sôbre Metereologia. Digo também que fiquei interessado em construir o meu pluviômetro o qual espero que venha a funcionar a contento. Parabens para o autor. Atenciosamente . AIRTON HONORATO.


  • antonio coutinho, minha casa , Rio de Janeiro - disse:
    tgcoutinho@yahoo.com.br

    30/12/2010

    Cinco estrelas

    Excelente explicação! Simples e didático. Parabéns!!!


  • Patrícia, Graduanda do Curso de Pedagogia , Rio Grande do Sul - disse:
    pattubaratinha@yahoo.com.br

    30/11/2010

    Cinco estrelas

    Bem explicado e de facíl entendimento.


  • hermogenes, Fazenda Cinturão , Maranhão - disse:
    hermogenes.fs@bol.com.br

    07/05/2010

    Cinco estrelas

    excelente. bem explicado.


  • Christian Linhares, Minist. Pub. do Trabalho , Sergipe - disse:
    neno@infonet.com.br

    10/04/2010

    Três estrelas

    Caro Rogerio (SENAI , São Paulo), você perguntou o que a boca do funil tem a ver com o cálculo, que o correto é o diametro do recipiente que a agua vai ser depositada. Na verdade, para fazer o cálculo do índice pluviométrico, você precisa saber a QUANTIDADE de água que caiu numa ÁREA em um determinado TEMPO. A área da boca do funil é a ÁREA de captação e a área do cilindro seria utilizada para calcular o volume/QUANTIDADE de água captada. Espero ter ajudado!


  • João Jorge Oliveira carvalho, PREFEITURA MUNICIPAL , Bahia - disse:
    joaojorge.carvalho@gmail.com

    08/04/2010

    Cinco estrelas

    Como nada é por acaso, eis que minha mente providenciou que eu mesmo pesquisasse de modo profundo como fazer o cálculo sobre quantidade de chuva caída em um dia, numa região. Era leigo, nem mesmo em Bioclimatologia, matéria , pre-requisito, na minha época no curso de graduação de Medicina Veterinária-UFBA . Obrigado Avaliação: 10 (Excelente)


  • Danielle, Universidade Estácio de Sá , Rio de Janeiro - disse:
    danielle.oliveira2@yahoo.com.br

    08/04/2010

    Cinco estrelas

    explicação sucinta e de fácil entendimento.


  • Giovani Bartz, U.E.E. Padre José Herberst , Rio Grande do Sul - disse:
    giosb69@hotmail.com

    24/03/2010

    Quatro estrelas

    Muito boa a parte sobre os cálculos, mas faltou a parte do diâmetro do tubo onde a água fica depois de coletada pelo funil. Falo do tubo transparente com a régua. Seria possível me esplicar isso? Agradeço.


  • Rogerio, SENAI , São Paulo - disse:
    roger_ygor@superig.com.br

    24/03/2010

    Uma estrela

    se o indice pluviometrico é quanto choveu em 1metro quadrado, oque a boca do funil tem a ver com o calculo, o correto é o diametro do recipiente que a agua vai ser depositada, pois pegaremos sua area e multiplicaremos pela altura que consta na régua e em quanto tempo se captou esta agua. to certo? se não, me corrija e me explique sobre o funil


  • Hélio, Universidade Paulista - UNIP , São Paulo - disse:
    helio.c.araujo@itelefonica.com.br

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Gostei muito da aula foi muito bem explicada, eu ainda acho que todos as aulas deveriam partir deste princípio. "Prática", fica mais fácil dos alunos entenderem. Parabéns Professora


  • Pandora Torraca, C.E PRADO JUNIOR , Rio de Janeiro - disse:
    pandora_torraca@hotmail.com

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    PERFEITO, Tirou minha dúvida e de meus amigos pos passeipra galera... isso porque tava doida pra saber quanto daria, pos vi em um site de meteorologia que sexta feira no rj choverá 71mm ;) A menina que disse q é horrivel deve ser que não prestou atenção. pos é mole! e tenho muita dificuldade de compreender matematica.


  • jerson herculano de oliveira, particular , Paraná - disse:
    jholivei@gmail.com

    24/03/2010

    Quatro estrelas

    sua aula foi ótima.


  • Alessandra Fontes, CEDERJ , Rio de Janeiro - disse:
    aless.fontes@gmail.com

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Bastante produtiva e eficaz a maneira que a professora abordou a aula abordando área e volume. Parabéns achei excelente!


  • Danilo Luiz Liebel, IPPEL , Paraná - disse:
    daniloluizliebel@hotmail.com

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Eu Achei muito explicativo, porém muito dificil de fazer esse funil


  • Clara Dias, E.E.E. M. Pres. Afonso Pena , Rio Grande do Sul - disse:
    claracelinafd@gmail.com

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Esta aula permite ao aluno adquirir competências e habilidades para interpretar informações sobre medições e volume.


  • Geraldo Pablo, Colégio Baluarte , Minas Gerais - disse:
    gpablo@ig.com.br

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Com simples didática será possível demonstrar a interpretação de fatores meteorológicos, especialmente o entendimento de índices pluviométricos, com foco voltado para os problemas ambientais do excesso de precipitação das chuvas que tantos transtornos tem causado ao planeta.


  • Daniella Salvador , CEPEF , Rio de Janeiro - disse:
    dany_namoral@hotmail.com

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    Gostei muito desse site porque tirou muitas dúvidas que tinha e ajudou bastante na pesquisa que o professor de física havia pedido. Muito Obrigada !!!


  • rodrigo gomes, eu mesmo , Pernambuco - disse:
    gomes83@bol.com.br

    24/03/2010

    Cinco estrelas

    obrigado, essa duvida eu tinha a uns de anos


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.