Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Urbanização e Metropolização

 

17/06/2008

Autor e Coautor(es)
Sandro Nunes de Oliveira
imagem do usuário

BRASILIA - DF Universidade de Brasília

Cristina Leite

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Médio Geografia Estrutura e dinâmica de diferentes espaços urbanos e o modo de vida na cidade
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
Processo de Urbanização e Metropolização da Cidade de São Paulo. Mudanças na Paisagem.
Duração das atividades
Duas aulas de 50 minutos cada.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Conhecimentos sócio-culturais dos alunos sobre o tema.
Estratégias e recursos da aula
ORIENTAÇÕES AO PROFESSOR(A)
  • Professor (a), esta proposta foi estruturada em duas aulas com seis atividades distintas e subseqüentes.

  • Outros questionamentos e atividades poderão ser elaborados pelo professor.

  • Professor (a) durante a discussão insira e discuta os seguintes conceitos:

  1. Urbanização: O processo de urbanização, hoje, transforma o conteúdo dos espaços e revela-se como uma prática sócio-espacial modificada a partir da imposição de uma nova relação espaço-temporal que redefine, não só a hierarquia dos lugares em função das exigências em matéria de comunicação, de deslocamentos, os mais variados e complexos, como, também, o quadro no qual se realiza a vida cotidiana por meio das modificações nos usos dos lugares (Carlos, 2003: http://www.laget.igeo.ufrj.br/territorio/pdf/N_11_12_13/sao_paulo.pdf).

  2. Metropolização: A metropolização, hoje, diz respeito à hierarquização do espaço a partir da dominação de centros que exercem suas funções: administrativa, jurídica, fiscal, policial e de gestão (Carlos, 2003: http://www.laget.igeo.ufrj.br/territorio/pdf/N_11_12_13/sao_paulo.pdf).
     

  • Professor (a), o vídeo sugerido para essa aula permite a identificação de pelo menos quatro fases importantes da cidade de São Paulo:

Fase 1, Cidade colonial: Em 1554, os Jesuítas instalam-se em Piratininga e começam a catequizar os índios. Durante o primeiro século de existência, a cidade possuía poucas ruas; as casas eram baixas e feitas de taipa. Os bandeirantes adentravam o território brasileiro com duas finalidades: procurar índios para o mercado de escravos e, também, riquezas como ouro e pedras preciosas. Até o século dezoito, o Brasil viveu da monocultura da cana-de-açúcar para exportação, a qual era realizada com o trabalho escravo. A Vila de São Paulo de Piratininga ficou fora desse eixo produtivo e acabou se desenvolvendo pouco no período. As principais at ividades econômicas eram: a agricultura de subsistência e a produção de trigo para as populações portuguesas do litoral. Participa da ocupação de Minas Gerais no período de exploração do ouro e se desenvolve, economicamente, com a implantação de moares para abastecer a região mineradora no final do século dezoito;

Fase 2, Monocultura do café: Na metade do século XIX, surge uma nova atividade econômica nos arredores da cidade: a monocultura do café. As fazendas prosperam e, nas duas últimas duas décadas, desta época, os fazendeiros começam a construir suas casas na cidade de São Paulo. A cidade enriquece e os planos de reurbanização começam a ser implantados. Essa fase é marcada pelas primeiras transformações significativas na cidade: construção de jardins, implementação de linhas de bondes, iluminação a gás; estrada ligando o Porto de Santos à cidade e um pequeno parque industrial.

Fase 3, Início da industrialização, fim da escravidão e migração internacional: No final do século XIX e início do XX, ocorre o início do processo de industrialização. Há o fim do trabalho escravo e a intensificação das políticas imigratórias, responsáveis pela vinda de grande quantidade de europeus e asiáticos. Novos bairros são criados e outros são ampliados para abrigar os novos habitantes. São construídos o teatro municipal, o museu paulista, a estação da luz, viadutos, praças; são adquiridos os primeiros telefones e automóveis e surge a imprensa. Na década de 30, do já referido século, inicia-se o processo de verticalização da cidade de São Paulo. No início dessa época, a cidade já influenciava a vida cultural e econômica do país, sendo responsável pela difusão das idéias modernistas e pelo revezamento no controle do poder nacional com Minas Gerais.

Fase 4, Intensificação da industrialização e da verticalização da cidade, migração nacional e crescimento desordenado: Em meados do século 20, ocorrem a criação da Universidade de São Paulo, do Museu de Artes Modernas, ampliação do parque industrial e a implantação da primeira televisão brasileira. A Cidade de São Paulo consolida sua influência sobre o restante do território do paí ; s e começa a receber grande migração interna e a cidade se expande de forma desorganizada. Um dos aspectos interessantes é o fato de atualmente não existir um único centro na cidade, de modo que ele passa a ocorrer de forma espalhada.
 

AULA 1
ATIVIDADE 1: PROBLEMATIZAÇÃO
  • Professor (a), desperte a curiosidade dos alunos para o tema a ser abordado. Comece orientando a conversa para as seguintes questões:

  • A cidade de São Paulo é a maior e uma das mais conhecidas do Brasil. São cada vez mais freqüentes, nos meios de comunicação, notícias sobre grandes engarrafamentos, favelas, inundações, violência, etc. Esses fatos suscitam alguns questionamentos importantes:
     

  1. A cidade de São Paulo sempre foi assim?

  2. Os problemas da cidade de São Paulo sempre foram os mesmos?

  3. Quando surgiram e o que gerou esses problemas?

  • Observação: Professor (a), nesse momento da aula, procure fazer com que os alunos exponham o que sabem sobre o tema a ser estudado.
ATIVIDADE 2: APRESENTAÇÃO DE VÍDEO
  • Professor (a), chame a atenção dos alunos para assistir ao vídeo “São Paulo”, da série “Breve História das Capitais Brasileiras” (http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/824) e destaque que esse vídeo servirá de base para as discussões e atividades posteriores.

  • Professor (a) interrompa a apresentação do vídeo quando achar necessário, de modo a complementar e reforçar explicações sobre os conceitos trabalhados (urbanização, metropolização, processo histórico).

  • Caso ache necessário, repita partes do vídeo e utilize o quadro negro para estruturar as explicações.
     

ATIVIDADE 3: INÍCIO DA DISCUSSÃO
  • Professor (a), depois de assistir ao vídeo, oriente a discussão para as questões apresentadas abaixo. Interrompa a discussão sempre que possível para co mplementar e reforçar explicações sobre os conceitos trabalhados (urbanização, metropolização, processo histórico). Apresente um questionamento de cada vez e oriente os alunos a anotarem as conclusões obtidas.Utilize os mapas indicados abaixo para auxiliar na discussão. Eles apresentam o aumento da dimensão espacial da cidade de São Paulo.

  1. Em que lugar nasceu a cidade de São Paulo? Em que ano? Quais foram os responsáveis pela instalação da cidade? Por quê se instalaram nesse lugar?

  2. Como era a cidade de São Paulo até o século XVIII? Por que ela ainda não tinha se desenvolvido? Quais eram as principais atividades econômicas desse período?

     

 AULA 2

ATIVIDADE 4: PROBLEMATIZAÇÃO
  • Professor (a), aproveite os minutos iniciais para rever o que foi visto na aula anterior. E chame a atenção dos alunos para o problema inicial da aula (atividade 1).

 ATIVIDADE 5: CONTINUAÇÃO DA DISCUSSÃO
  • Professor (a), continue a discussão. Interrompa sempre que possível para complementar e reforçar explicações sobre os conceitos trabalhados (urbanização, metropolização, processo histórico). Apresente um questionamento de cada vez e oriente os alunos a anotarem as conclusões obtidas.

  1. A partir de meados do século dezenove surge uma nova atividade econômica nos arredores da cidade. Que atividade era essa? Que mudanças a acumulação de riquezas oriundas do café gerou na cidade? (Observação: Professor, no link http://www.saojudasnu.blogger.com.br/planta%20da%20capital%20jules%20martin%201890_detalhe%20comparativo%20com%201810.jpg possui um  Mapa da cidade de São Paulo em 1890).

  2. Quando ocorre o processo de industrialização? O que ela gera? Qual é a situação política de São Paulo em relação ao Brasil? Qual é a influência na cultura e na economia?

  3. Em meados da década 50 do século vinte intensifica-se o processo de industrialização. O que isso gera na cidade de São Paulo? O que ocorre com a imigração? Como ocorre o processo de expansão da área urbana de São Paulo? Quais são as principais mudanças na paisagem da cidade?

  4. Em que momento ocorre a aceleração do crescimento da cidade de São Paulo? Por quê?

  5. Com base no que foi apresentado no vídeo e discutido em sala, identifique o momento em que os problemas mais comuns atualmente na cidade de São Paulo surgiram (grandes engarrafamentos, inundações, violência, etc.).
     

 

Recursos Complementares
Data show, projetor, computadores e/ou TV conectada ao computador.
Avaliação
A avaliação poderá ser a elaboração de um álbum digital com fotos de outras áreas que passaram pelos processos de urbanização e metropolização no Brasil. Divida a sala em grupos e proponha aos alunos que pesquisem no mapa do IBGE (http://www.ibge.gov.br/ibgeteen/atlasescolar/mapas_pdf/brasil_regioes_metropolitanas.pdf) quais são as outras áreas metropolitanas do Brasil. Sugira que cada grupo escolha 5 áreas. Em seguida, proponha a eles que realizem uma pesquisa na internet para o levantamento de fotos.
Opinião de quem acessou

Três estrelas 2 classificações

  • Cinco estrelas 0/2 - 0%
  • Quatro estrelas 1/2 - 50%
  • Três estrelas 1/2 - 50%
  • Duas estrelas 0/2 - 0%
  • Uma estrela 0/2 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • janaina, janaina , Bahia - disse:
    jana_luzia@hotmail.com

    30/09/2010

    Três estrelas

    a aula é boa mas é não é o que eu procuro


  • ANTONIO GLEIZ BARBOSA DE MESQUITA, EEFM EDITE ALCANTARA MOTA , Ceará - disse:
    eamotadiretor@yahoo.com.br

    24/03/2010

    Quatro estrelas

    Urbanização e Metropolização Ao analisar esta aula, percebo que esta proposta foi estruturada em duas aulas com seis atividades distintas e subseqüente, recursos complementares e avaliações, tendo como objetivo da aula, desenvolver os Conhecimentos sócio-culturais dos alunos sobre o tema. Sendo que a estratégias e recursos da aula foi bem planejado pelo professor Sandro.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.