Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Entendendo a puberdade

 

25/08/2010

Autor e Coautor(es)
Amélia Pereira Batista Porto
imagem do usuário

BELO HORIZONTE - MG ESCOLA DE EDUCACAO BASICA E PROFISSIONAL DA UFMG - CENTRO PEDAGOGICO

Lízia Maria Porto Ramos

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Inicial Orientação Sexual Corpo: matriz da sexualidade
Ensino Fundamental Inicial Ciências Naturais Ser humano e saúde
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

Identificar mudanças que marcam a puberdade no corpo do menino e da menina;

Relacionar a produção de hormônios à chegada da puberdade;

Representar em desenho as mudanças no corpo de meninos e meninas na puberdade;

 Enumerar os cuidados higiênicos necessários com o corpo na adolescência;

Entrevistar pessoas de gerações anteriores e comparar as características do adolescente dessas gerações com as atuais;

Relacionar características da adolescência à cultura.

Duração das atividades
4h/a
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Saber que o ser humano tem um ciclo vital. Cada etapa desse ciclo tem características próprias.

Estratégias e recursos da aula

Introdução: uma abordagem para o professor  

Sabe-se que, hoje, a orientação sexual entrou pela porta da frente da escola, após uma trajetória de avanços e retrocessos. É possível discutir com os pares o tema e elaborar projetos que atendam à demanda das diferentes faixas etárias que compõem a comunidade escolar. Se, inicialmente, buscava-se uma formação para evitar a gravidez precoce e a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, hoje, almeja-se muito mais. São colocados em discussão temas relacionados, por exemplo, como o direito ao prazer e ao exercício da sexualidade com responsabilidade, o entendimento de que a sexualidade é algo inerente à vida e à saúde.

Nesta aula estudaremos a Puberdade e a Adolescência, buscando envolver o aluno de forma que ele reflita sobre questões que percebe no seu dia a dia em relação ao seu corpo e no convívio com os outros. Questões que, muitas vezes, não têm com quem compartilhar dúvidas e curiosidades. Além de abordar o tema sob o ponto de vista biológico, ampliaremos a discussão propondo uma reflexão sobre a puberdade e a adolescência, relacionando essa fase aos aspectos sócio-culturais que a condicionam. Acreditamos ser importante para a formação do adolescente que ele reflita sobre comportamentos característicos da própria cultura e os estereótipos neles presentes, reforçados ou impostos pela mídia.

Ao oportunizar ao adolescente compreender o que acontece nesse período, esperamos contribuir para um melhor entendimento dessa fase da vida para que possa vivê-la de forma menos conflituosa.

Destacamos como fator importante para o desenvolvimento de aulas com temas muito próximos aos alunos discutir os assuntos em roda de conversa. Esse é um momento privilegiado para levantar o interesse deles sobre o tema. O professor também pode pedir-lhes para registrar suas dúvidas e curiosidades em folha de papel à parte. Esses registros poderão ajudá-lo no planejamento de outras atividades.

O professor deve deixar claro que essas questões serão tratadas em parceria com o interessado, sem envolvimento da família, a não ser que de comum acordo aluno e professor sintam necessidade de buscar suporte familiar. As respostas as dúvidas e curiosidades dos alunos serão discutidas e as dúvidas esclarecidas ao longo do desenvolvimento das aulas, sem que o autor da pergunta seja identificado. Entretanto, esta decisão não exclui informar a comunidade escolar do trabalho a ser desenvolvido.

A adolescência 

 A adolescência é uma fase de transição entre a infância e a idade adulta. É caracterizada por mudanças biológicas e psíquicas nos meninos e mais acentuadamente nas meninas. O início da adolescência é o período definido como puberdade.

Em decorrência das diferenças sócio-culturais podemos afirmar que não existe um adolescente padrão. Os modos como o adolescente é visto pelos adultos são variados. Entretanto, os processos biológicos que ocorrem na adolescência são universais, ou seja, o adolescer é universal, independente do entorno de cada indivíduo.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde é considerado adolescente o indivíduo entre 10 e 19 anos. Levando em consideração o Estatuto da Criança e Adolescente este período vai dos 12 aos 18 anos. Já do ponto de vista médico a adolescência é o período compreendido entre os 10 e 19, 20 anos. A adolescência pode ser dividida em três períodos com algumas características distintas:

.Primeiro período (adolescência precoce - ocorre entre os 10 e 14 anos). O indivíduo procura adaptar-se as mudanças que ocorrem no seu corpo e constrói estratégias para estabelecer autonomia em relação aos pais. É o período denominado puberdade.

.Segundo período (adolescência média - ocorre entre os 15 e 17 anos). Há nessa fase grande preocupação em adequar o corpo, as roupas, a fala, os comportamentos aos padrões do seu grupo social.

.Terceiro período (adolescência tardia – ocorre entre os 18 e 19, 20 anos). Busca-se a possibilidade de se tornar independente economicamente ou a definição profissional através da escolha de uma futura carreira. A definição entre a primeira opção e a segunda ocorre geralmente em função da condição sócio econômica. Os relacionamentos afetivo-sexuais são mais estáveis e alguns valores e comportamentos adultos já podem ser observados.

Apresentamos a seguir algumas mudanças que ocorrem no corpo do menino e da menina na puberdade. Estas mudanças ocorrem, de modo geral, na ordem cronológica em que foram listadas. É preciso, entretanto, considerar o ritmo de cada um:

 Meninos:

. aumento do tamanho dos testículos;

. primeiros pêlos genitais;

. aparecimento dos pêlos nas axilas;

. início do período de crescimento acelerado;

. aparecimento dos pêlos faciais.

 Meninas:

. início do desenvolvimento das mamas;

. primeiros pêlos genitais;

. aparecimento dos pêlos nas axilas;

. início do período de crescimento acelerado;

. primeira menstruação.

Para saber mais sobre a adolescência acesse os sites a seguir. As informações neles contidas lhe ajudarão no planejamento e desenvolvimento da aula.

 http://revistaescola.abril.com.br/crianca-e-adolescente/comportamento/adolescentes-entender-cabeca-431429.shtml Acessado em 30/07/2010 

http://educacao.aaldeia.net/category/adolescencia/ Acessado em 30/07/2010 

http://educacao.aaldeia.net/psicologia-jovem-1316-anos/ Consultado em 02 de agosto de 2010. 

Texto sobre mudanças no corpo masculino na adolescência.

http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Corpo/sistemagenital.php Consultado em 02 de agosto de 2010. 

Texto sobre mudanças no corpo masculino e feminino na adolescência.

http://www.adolescencia.org.br/portal_2005/secoes/saiba/saiba_mais_corpo.asp  Consultado em 02 de agosto de 2010.       

Estratégia:

Como os alunos poderão atingir os objetivos propostos:

Os alunos poderão atingir os objetivos propostos através de conversa dialogada em que vão expor suas ideias sobre mudanças que tem observado em seu próprio corpo e participando das atividades sugeridas para explorar o assunto da aula.

Como o professor irá ativar esse processo:  

Levantando situações – problema em que os alunos serão estimulados a emitirem suas ideias sobre mudanças que ocorrem no corpo do adolescente, desenhando mudanças observadas em um cartaz e lendo texto informativo sobre o tema. Através das discussões e atividades realizadas espera-se contribuir para a construção dos conhecimentos e sistematização do estudo.

Atividade 1

 Em roda, peça aos alunos que observem imagens de crianças na puberdade.

 

http://www.culturakids.com.br/wp-content/uploads/2010/04/heroisdeverdade400.jpg Acessado em 23/08/2010

Sugestões de perguntas:

1.Quantos anos vocês imaginam que as crianças das fotos têm?

2.Por que vocês imaginam que elas têm esta idade?

3.E você? Quantos anos têm?

4.Você consegue perceber alguma semelhança entre você e as crianças representadas nas fotos?  

 Espera-se que os alunos remetam para a aparência física, o modo de se vestir e o jeito de se apresentar das crianças na foto. Ao responder ao item 4, estimule os alunos a falar das mudanças já percebidas no corpo, jeito de se vestir e de ser. Em caso de dúvida sobre o que estão querendo dizer devolva a pergunta e procure entender o que realmente desejam. Explique para a turma que estudarão sobre a puberdade. A puberdade é o período de transição entre a infância e a adolescência e que nessa etapa da vida acontecem muitas transformações físicas e psicológicas no menino e na menina. Entretanto, nem todos os meninos e meninas entram na puberdade com a mesma idade. Alguns entram mais novos outros um pouco depois, pois cada indivíduo tem um ritmo próprio. Explique também que essa é uma etapa da vida em que surgem muitas dúvidas.

Para ajudá-los a entender as mudanças que ocorrem com meninos e meninas neste período, peça-lhes que anotem numa folha, individualmente, o que gostariam de saber, as dúvidas relativas ao assunto, principalmente aquelas que não se sentem à vontade para perguntar em voz alta diante dos colegas. Deixe claro que essas questões serão tratadas em parceria com a turma e, se necessário e pertinente, com cada aluno individualmente, sem envolvimento da família. Mesmo a família sabendo do estudo que será realizado, o que acontecer na sala de aula só será a ela comunicado, caso aluno e professor sintam necessidade de buscar suporte familiar. As respostas às dúvidas e curiosidades dos alunos serão discutidas e as dúvidas esclarecidas ao longo do desenvolvimento das aulas, sem que o aluno, autor da pergunta seja identificado.    

Leia a lista a seguir. Ela contém exemplos de perguntas feitas por alunos a partir de 10 anos, quando o tema sexualidade foi explorado. As perguntas foram transcritas exatamente como formuladas pelos alunos.

.Quais as mudanças no corpo do adolescente?

.Depois do sexo tem alguma doença?

.Em quantos dias o escroto se enche de esperma?

.O que é sexo?

.A camisinha é preciso para fazer sexo?

.Por que algumas pessoas menstruam tão cedo e outras demoram mais para menstruar?

.É perigoso a menina engravidar quando não tem menstruação?

.Se a menstruação da menina não vier até os 16 anos o que ela deve fazer?

.Queria saber se o corpo da mulher se transforma mais rápido que o do homem?

.Como o cabelo nasce debaixo do sovaco?

.Sabemos que para não pegar doença temos de usar camisinha e anticoncepcional. Tem mais outro método?

.Por que quando o homem fica com uma mulher ele sente muito tesão, o pênis fica duro. E com ela o que acontece?  

Perguntas como as listadas e tantas outras podem surgir na turma que você leciona. É importante você identificar os eixos temáticos das perguntas. Muitas vezes, como são muitos questionamentos é necessário explorar os temas em mais de uma aula. Geralmente as questões levantadas pelos alunos podem ser agrupadas em três eixos sugeridos pelo PCN- Educação sexual:

Corpo – matriz da sexualidade;

Relações de gênero;

Doenças sexualmente transmissíveis.   

Para melhor se informar leia todo o documento no link abaixo:

http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/livro102.pdf Consultado em agosto de 2010. 

A partir das dúvidas anotadas pelos alunos planeje a sequência das atividades seguintes. Geralmente, grande parte das questões levantadas pelos alunos está relacionada a mudanças no corpo decorrentes da puberdade, assim, serão propostas atividades que abordem essa temática.

Atividade 2

Desenhe o contorno de um corpo de menino e outro de menina com idade aproximada a de seus alunos, em tamanho natural. É interessante que estes desenhos sejam apresentados prontos à turma para que os alunos não os identifiquem consigo mesmo ou com o corpo dos colegas, pois isso pode causar constrangimento ao realizar a atividade.

A seguir divida a turma em dois grupos compostos de meninas e de meninos. Distribua um desenho para cada grupo e peça que preguem os cartazes numa parede da sala.

Cada grupo deve completar o cartaz desenhando no corpo do menino ou da menina as mudanças que acontecem com a chegada da puberdade.

No corpo dos meninos podem ser desenhados pêlos no rosto, na região pubiana e axilas. Nas meninas podem ser desenhados pêlos na região pubiana e axilas, aumento dos seios, cintura mais fina, quadris mais largos.   

Sugestão de diálogo:

. Quais as mudanças comuns a meninos e meninas?

. Quais as mudanças próprias dos meninos?

. Quais as mudanças próprias das meninas?   

Após a discussão distribua para leitura o texto:  

Mudanças no corpo do homem e da mulher  

Quando as meninas têm por volta de 10 ou 11 anos de idade, o corpo delas passa por mudanças. Nos meninos, essas mudanças ocorrem por volta dos 12 ou 13 anos. É a puberdade.

Esse conjunto de mudanças faz parte do amadurecimento sexual e ocorre por causa do início da produção de hormônios. As glândulas produzem hormônios com funções específicas. Alguns estimulam o crescimento, outros são responsáveis pela produção de suor e por reações do corpo a situações de estresse.

A hipófise é uma glândula produtora de hormônios. Ela produz um tipo de hormônio que estimula as mudanças no corpo do adolescente. Essas mudanças preparam os jovens para a reprodução. O hormônio chamado testosterona, produzido nos testículos, induz a produção de espermatozóides no corpo dos meninos. Nos ovários, o hormônio chamado estrogênio induz a liberação de óvulos no corpo das meninas.   

http://www.hghforever.com/pendocrine.gif Acessado em 23/08/2010

Nas meninas inicia-se o amadurecimento dos óvulos, os quadris se alargam e ocorre a menarca, primeira menstruação, que é um fluxo sanguíneo eliminado por meio da vagina. A menstruação pode durar de 3 a 7 dias, num ciclo que se repete, em geral, a cada 28 dias, embora esse período possa ter algumas variações.

Nos meninos, começa a produção dos espermatozoides, que são liberados na ejaculação com o líquido seminal por meio da uretra. A primeira ejaculação é conhecida como polução noturna.

A ejaculação e a menstruação indicam a maturidade biológica para a reprodução. A gravidez, entretanto, exige maturidade física, psicológica, emocional e social por parte das pessoas que pretendem ter filhos.

Texto das autoras  

Explore o texto oralmente com a turma. Proponha a atividade a seguir e após sua realização faça a correção com a turma:  

JOGO RÁPIDO   

Leia as palavras:   Quadril   Polução noturna   Puberdade   Menstruação    Pelos   Glândulas   Menarca   Testículos   Hormônios   

Escolha a palavra certa e escreva-a no lugar indicado:

1. Cobrem a pele dos seres humanos e com a puberdade aparecem nas axilas e na região genital. --------------------------------------------

2. Ejaculação que ocorre durante o sono, resultado de uma excitação genital. --------------------------------------------

3. Fase da vida na qual ocorrem várias modificações corporais, o desenvolvimento de caracteres sexuais e a capacidade de reprodução. --------------------------------------------

4.Acontece nas meninas, geralmente, por volta dos 12 anos de idade, mas pode variar entre os 8 e os 16 anos. --------------------------------------------

5. Substâncias químicas segregadas pelo sistema endócrino responsável pelas mudanças biológicas ocorridas na puberdade. --------------------------------------------

6. Órgãos que produzem os hormônios. --------------------------------------------

7. Nome da primeira menstruação. --------------------------------------------

8. Ocorre nas meninas um alargamento dessa parte do corpo durante a puberdade. --------------------------------------------

9. Glândula sexual masculina que produz espermatozoide e hormônios. --------------------------------------------

Correção: As palavras devem ser escritas nesta ordem: 1. Pêlos. 2. Polução noturna. 3. Puberdade. 4. Menstruação. 5. Hormônios. 6. Glândulas. 7. Menarca. 8. Quadril 9. Testículos.

Atividade 3   

Converse com os alunos sobre que cuidados são necessários com o corpo, nesta nova fase.   Ao final da discussão eles devem elaborar um Manual de Instrução contendo informações sobre hábitos e cuidados higiênicos na puberdade e adolescência

Para subsidiar a discussão leia o texto abaixo:   

Cuidados higiênicos na puberdade

As transformações da puberdade vêm acompanhadas de aumento da produção de suor em todo o corpo. Na região das axilas e nos pés esse aumento de produção de suor pode vir acompanhado de um cheiro bem forte resultado do desenvolvimento de alguns microorganismos que agem sobre o suor tornando o odor original mais forte.

A pele também se modifica, especialmente a do rosto tornando-se mais propensa aos cravos e a acne. A acne ou espinha é uma inflamação de estruturas associadas aos folículos pilosos – local onde nascem os pêlos. Espremer cravos e espinhas favorece a entrada de microorganismos nas camadas mais profundas da pele causando infecções que podem deixar cicatrizes.  

Se necessário, uma consulta médica deve ser feita para esclarecer dúvidas e indicar os cuidados necessários ao bem estar do adolescente.   

Os cuidados higiênicos de modo geral são essenciais.  Destacamos:

Cuidados em relação ao corpo: 

.Tomar banho diariamente ou mais de uma vez por dia, se necessário.

.Usar desodorante nas axilas.

.Trocar roupas suadas por limpas.   

Cuidados em relação aos pés:

.Trocar as meias todos os dias e usar meias de algodão que absorvem melhor o suor.  

.Usar talcos especiais.

.Evitar usar um mesmo calçado por mais de dois dias seguidos. Deixar o calçado limpo e em lugar arejado para evitar o desenvolvimento dos microorganismos causadores do mau cheiro e da frieira, doença causada por fungos, que geralmente aparece na pele entre os dedos dos pés.

.Lavar com freqüência as palmilhas dos tênis.   

Cuidados em relação à pele do rosto: 

.Manter a bem limpa.

.Evitar tocar ou espremer cravos e espinhas  

Cuidados especiais que as meninas devem ter durante os dias de menstruação:

.Fazer higiene pessoal mais vezes ao dia.

.Trocar o absorvente sempre que necessário.

.Levar absorventes de reserva antes de sair de casa.

.Consultar um médico para tratamento apropriado em caso de dores ou cólicas freqüentes, nesse período.

Oriente os alunos a se reunirem em grupos e escrever um Manual de Instrução contendo informações sobre hábitos e cuidados higiênicos na puberdade e adolescência. Finalizado o trabalho os alunos podem distribuí-lo entre os colegas de outras turmas da escola.

Converse com os alunos sobre as características de um manual. Este gênero textual deve conter informações curtas e ilustrações atrativas, neste caso com informações sobre:

.Cuidados em relação ao corpo

.Cuidados em relação aos pés

.Cuidados em relação à pele do rosto

.Cuidados especiais que as meninas devem ter durante os dias de menstruação  

Atividade 4

Proponha uma investigação sobre as características dos adolescentes de ontem e da atualidade. Peça a cada aluno para escolher uma pessoa de gerações anteriores: conhecidos ou familiares para entrevistar.   

Sugestões de itens para organizar as perguntas da entrevista: relacionamento com os pais e amigos; roupas da moda; comidas, diversão, esporte, estilo musical e de dança preferidos; ídolos; gírias; horário de saída e de chegada das festas; namoro; escola.  

Os resultados das entrevistas devem ficar expostos em um mural para que as informações sejam compartilhadas. A seguir converse com os alunos.

Sugestão de dialógo:

.O que é comum na adolescência de pessoas de gerações diferentes?

.Há algum comportamento de adolescentes das gerações passadas que a turma discorda? Por quê?

.Há algum comportamento das gerações passadas que a turma gostaria de por em prática? Por quê?

.Quais as diferenças e quais as semelhanças da adolescência de gerações passadas e a de hoje?  

   

Recursos Complementares

Se possível projete o vídeo para os alunos:  

http://www.youtube.com/watch?v=4atXpLWGNNI 4:04min. 

Matéria Puberdade consultado em agosto 2010.

Avaliação

Avaliar numa perspectiva formativa implica estar atento à construção de conhecimentos conceituais, comportamentais e atitudinais de nossos alunos durante todo o processo de ensino e aprendizagem. Por isso é importante estar atento a todo o percurso do aluno enquanto aprende: suas ideias iniciais, aquelas apresentadas durante o trabalho desenvolvido, à maneira que relaciona com os colegas, sua atitude investigativa e crítica, no decorrer da aula, o seu envolvimento e participação nas diferentes atividades realizadas. A proposta das atividades sugeridas para o desenvolvimento do tema “puberdade”, por si só já lhe ofereceu muitos dados para que possa avaliar o aprendizado dos alunos tanto em relação aos conhecimentos conceituais como os comportamentais e atidutinais trabalhados.

Para finalizar, sugerimos pedir ao aluno que escreva um texto falando da importância do trabalho que ele realizou para o seu crescimento pessoal, para o seu auto conhecimento bem como, para melhor lidar com as mudanças que ocorrem em seu corpo na puberdade.

Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 6 classificações

  • Cinco estrelas 5/6 - 83.33%
  • Quatro estrelas 1/6 - 16.67%
  • Três estrelas 0/6 - 0%
  • Duas estrelas 0/6 - 0%
  • Uma estrela 0/6 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Maria Isabel Gonçalves de Souza, CEU EMEF Jardim Paulistano , São Paulo - disse:
    isabot@bol.com.br

    03/11/2013

    Cinco estrelas

    Estou pesquisando uma atividade sobre a puberdade para os meus alunos do 3º ano fund I. Porque uma das alunas da classe ficou me perguntando sobre o que é cólica, menstruação se os meninos tem cólica, porque temos dor no pé da barriga, se eu poderia falar somente com as meninas e muito mais. Procurei a coordenadora e disse a curiosidade da aluna, ela me orientou que comentasse na reunião de pais e responsáveis. Os pais me autorizaram. E hoje, me deparei com este plano de aula maravilhoso.


  • Glaucinete S.B Marins, Centro de Ensino Fundamental 34 de Ceilândia/DF , Distrito Federal - disse:
    glauci.bezerra@gmail.com

    13/08/2013

    Quatro estrelas

    Gostei muito do texto, das atividades propostas e acredito que será de grande ajuda em minhas aulas com meus alunos adolescentes.


  • tarcisio, Congado Ciriacos , Minas Gerais - disse:
    tarcisiogaldino@gmail.com

    21/05/2011

    Cinco estrelas

    Gostei da proposta da aula, ela desperta para várias outras idéias. Axé


  • pipoca, Pipoca , São Paulo - disse:
    pipocatanaka@hotmail.com

    07/03/2011

    Cinco estrelas

    eu achei interessante


  • nayane, Itália - disse:
    nayaneprincesa_9@hotmail.com

    12/01/2011

    Cinco estrelas

    nossa ele explicou muimto bem como nenhuma outra pessoa expolicaria


  • Marcio Augusto Rangel, Colegio Municipal , São Paulo - disse:
    marcio-rangel@hotmail.com

    05/10/2010

    Cinco estrelas

    Todos os topicos ajudaram a direcionar e organizar alguns pontos, que precisam ter uma atenção maior, com isso se organizar melhor nessa transição de nossas vidas.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.