Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Branca de neve e os sete anões: a linguagem teatral na Educação infantil

 

26/08/2010

Autor e Coautor(es)
Núbia Silvia Guimaraes Paiva
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG Universidade Federal de Uberlândia

Rita de Cassia Roger Mariano

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Educação Infantil Linguagem oral e escrita Falar e escutar
Educação Infantil Movimento Expressividade
Educação Infantil Arte Visual O fazer artístico
Educação Infantil Linguagem oral e escrita Práticas de escrita
Educação Infantil Linguagem oral e escrita Práticas de leitura
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Despertar o gosto por ouvir histórias;
  • Ter contato com a literatura infantil;
  • Ampliar a capacidade de imaginação;
  • Desenvolver a criatividade;
  • Ocupar papéis;
  • Interessar-se pela linguagem teatral;
  •  Vencer dificuldades emocionais;
  • Utilizar outras linguagens - Linguagem teatral - cenário, personagem e ação dramática - nas situações do cotidiano da sala de aula ampliando as possibilidades de aprendizagem e desenvolvimento
Duração das atividades
10 horas aulas
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

É importante ter o hábito de ler histórias em sala para e com as crianças e também compreender como a linguagem teatral pode contribuir para o desenvolvimento dos pequenos. É importante ainda, oportunizar situações em que as crianças sejam o centro do trabalho educativo e a linguagem teatral é uma ótima aliada nesse trabalho. Como nos ensina Vigotski (2009), as crianças externalizam sua compreensão acerca do meio em que vivem – sociedade, família, escola, amigos etc – por meio da imitação criativa. Nesses momentos, podem experimentar o lugar de mãe, vizinha, irmão, pai, madrasta assim como atos morais de heroísmo, coragem, medo, tristeza, alegria, dor etc, e reorganizar suas compreensões e impressões acerca desses elementos. Ao vivenciar esses “lugares” e reorganizar suas impressões podem ter afloradas novas compreensões, só que agora um tanto mais elaboradas e assim sucessivamente poderão vivenciar situações, por força do instinto e da imaginação que os ambientes cotidianos da vida não lhes apresentam.   Portanto, fazer uso da linguagem teatral e da imaginação das crianças no dia a dia da sala de aula, é para mim momento prazeroso e importante no desenvolvimento de minhas crianças.

Estratégias e recursos da aula

Para introduzir a atividade: Aula de 60 minutos

   Leve para as crianças uma história clássica do universo infantil: Cinderela, Bela Adormecida, Chapeuzinho Vermelho ou outra história de sua preferência. No caso dessa aula, utilizamos a história Branca de neve e os sete anões. Para contar a história, você professor, pode utilizar diferentes recursos: fantoches, leitura da história com o livro, dramatização (para a dramatização da história você precisará da ajuda de alguns colegas de trabalho), projeção em slides, teatro com varetas, colocar a história narrada para as crianças ouvirem, ou outro recurso que preferir. No caso dessa aula, fizemos uso de fantoches.

Professor, durante a contação de história envolva seus alunos, ensinando as músicas que aparecem na história.

Acervo da autora junho de 2010.

Professor, se quiser ler uma versão da história na íntegra acesse o site: http://www.qdivertido.com.br/verconto.php?codigo=2 

Atividade número 2: Aula de 60 minutos   

Nessa faixa etária as crianças adoram representar, por isso, convide-as a escolherem uma história para representarem. No caso dessa aula, a história que havíamos contado influenciou a escolha e as crianças decidiram representar Branca de Neve e os sete anões. A partir da escolha da história passe então para a escolha de quem irá representar cada personagem.  Esse momento é bastante rico, pois junto com as opções das crianças aparecem conflitos que merecem atenção do professor.  As escolhas são feitas de acordo com referências, valores e desejos afetivo-emocionais vividos na família, na escola e na sociedade. Nessa aula, trabalhamos questões ainda relacionadas a democracia por meio da votação da turma para decidir os personagens pois mais de uma criança optou pelo mesmo personagem. Professor, respeite sempre o grupo consultando-o em todos os momentos pois só assim, a linguagem teatral será realmente interessante para a constituição das crianças.     

Atividade número 3: Aula de 60 minutos   

Antes de começarem os ensaios da peça, faça algumas atividades que levem as crianças a compreenderem como a linguagem corporal é importante em todos os momentos da representação teatral. Divida a classe em grupos e peça que cada um faça uma cena de quatro minutos usando apenas a linguagem corporal para comunicar onde estão, quem são e o que estão fazendo. Eles devem planejar o tamanho do lugar, os objetos imaginários a serem usados, o que farão com eles e como será a interação entre os participantes. Faça perguntas que levem todos a pensar em gestos que tenham um propósito comunicativo claro. Enquanto um grupo atua, os demais observam.    Repare como são comunicados, em cena, o onde, o quem e o quê. Os integrantes do grupo estão atentos aos objetos imaginários dos colegas? Usam-nos? Se o fazem, respeitam as características definidas pelo parceiro? Inclua novos elementos. Exemplo: fale no ouvido de um dos participantes que um objeto mudou de peso ou que o ambiente mudou ("faltou luz", "ficou frio" “está muito quente”). Veja como lidam com a novidade. Fique atento às partes do corpo mais usadas pelos pequenos e desafie-os a seguir a cena sem mover as mãos, por exemplo. Após a apresentação de cada grupo, faça uma roda de conversa para que a plateia e quem encenou troquem percepções. Anote suas considerações.  

Atividade número 4: Aula de 60 minutos   

Depois que as crianças entenderam o onde, o quem e o quê, leve-as para assistir a uma peça e, caso não seja possível, vejam uma apresentação em DVD da história escolhida como se estivessem em um cinema. Depois, pergunte se elas conseguem identificar os três elementos. Nessa hora, sistematize o conhecimento e diga que o onde pode ser chamado de cenário, assim como o quem é o personagem e o que é a ação dramática que se desenvolve.

Assistindo ao filme. Acervo da autora, maio de 2010.

Atividade número 5: várias aulas de 60 minutos   

Comece os ensaios com as crianças e vá questionando com elas o que irão precisar para construir o cenário.  Deixe que elas busquem alternativas para a construção do cenário com materiais que tenham em sala, e que montem e desmontem a organização do espaço. De posse disso construa com elas passo a passo todas as partes do cenário para o dia da apresentação. Essas atividades terão desdobramentos pois quase tudo poderá ser feito com as crianças (o castelo da bruxa, a casinha dos anões, o cavalo do príncipe, as roupas do figurino).  Reserve sempre um tempinho para os ensaios e paralelamente vá construindo o cenário com as crianças.

  

Momento de ensaio com as crianças em sala. Acervo da autora junho de 2010.

Atividade número 6: vários aulas de 60 minutos

Faça atividades de registro que explore a leitura e a escrita com os nomes dos personagens, nome da história. Explore ainda, o desenho com as ilustrações dos convites para os colegas de outras turmas, outros professores, e profissionais da escola e para os pais.  Depois disso é só esperar o dia da apresentação.  

Atividade de registro do nome do personagem que a criança representou no teatro. Acervo da autora. Maio de 2010.

Recursos Complementares

Saiba mais informações sobre a história de Branca de Neve e os sete anões: Branca de Neve é um conto de fadas originário da tradição oral alemã, que foi compilado pelos Irmãos Grimm e publicado entre os anos de 1812 e 1822, num livro com vários outros contos, intitulado "Kinder-und Hausmaërchen" ("Contos de Fada para Crianças e Adultos").   

Algumas críticas e comentários sobre a tradicional história dos contos clássicos infantis Branca de Neve e os sete anões podem ser vista em  http://pt.wikipedia.org/wiki/Branca_de_Neve 

Avaliação

Professor observe o envolvimento de seus alunos durante todo o processo desde o momento da Contação da história, o desenvolvimento das atividades e vá estimulando cada criança. Tenha o hábito de anotar diariamente como se dá a participação das crianças, pois assim ficará mais fácil intervir quando necessário. A resolução dos conflitos é um ótimo momento para o crescimento de todos.

Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 9 classificações

  • Cinco estrelas 7/9 - 77.78%
  • Quatro estrelas 2/9 - 22.22%
  • Três estrelas 0/9 - 0%
  • Duas estrelas 0/9 - 0%
  • Uma estrela 0/9 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Maria do Perpetuo do Socorro de Melo, Secretaria Municipal de Educação de BELEM , Pará - disse:
    corrinha.melo@hotmail.com

    13/09/2012

    Quatro estrelas

    Achei muito criativa suas sugestões parabéns!


  • Elisete cavichon, EEB. José Faria Neto , Santa Catarina - disse:
    efcavichon@gmail.com

    04/05/2012

    Cinco estrelas

    Muito criativa a aula, maravilhosa mesmo! Gostei muito. Parabéns.


  • TALITA NUNES, CENTRO EDUCACIONAL INFANTIL VOVO MIROTA , Minas Gerais - disse:
    talitanuness@hotmail.com

    16/10/2011

    Cinco estrelas

    Parabens pelas atividades sao muito criativas... gostaria de saber se vc possui o molde dos fantoches e se os disponibilizaria para reproduçao dos mesmos gostei muito e queria faze los com minha turma obrigada


  • Madalena Guermandi, Escola Municipal Xanxere , Mato Grosso - disse:
    madalenaguermandi@hotmail.com

    22/09/2011

    Cinco estrelas

    criatividade e interaçao!!!! dessa forma os alunos conseguem se envolver na aula e e acontece a aprendizagem significativa....parabens


  • marineide pereirara de araujo, E.M.E.F.MARIA DAS NEVES LINS , Paraíba - disse:
    neide_p_a@hotmail.com

    25/08/2011

    Quatro estrelas

    olá! gostei demais da sua aula pois vai ser muito aproveitada por mim! já que estou trabalhado festival de leitura e meu tema e exclusivamte a Branca de Neves e os Sete anões.


  • SOnia Aparecida do Nascimento, E.E."General Silvano Albertoni" , Minas Gerais - disse:
    soninhaprof2011@hotmail.com

    24/05/2011

    Cinco estrelas

    Olá...Seu plano esta excelente... Gostei muito, e com certeza tomarei por base. Sônia


  • Sônia, Escola , Minas Gerais - disse:
    soninhaprof2011@hotmail.com

    13/05/2011

    Cinco estrelas

    Sônia ,Escola Estadual"Cônego Luiz Giarola Carlos" eEscola Estadual"General Silvano Albertoni" Barroso-Minas Gerais 13/05/11 Adorei esta atividade, muito bem explicada.Nota 10 Parabéns!!!


  • Monica Alves de Morais Gramasco, EMEF Profª Ligia Vieira de Camargo Del Fiol , São Paulo - disse:
    monicagramasco@gmail.com

    28/12/2010

    Cinco estrelas

    Amei esta atividade,enquanto lia parece que eu sentia e via cada criança a realizando.Parabéns!


  • Mariana , UFU , Minas Gerais - disse:
    marifrds@yahoo.com.br

    11/09/2010

    Cinco estrelas

    Muito bem explicada e muito criativa! Parece ter sido divertido!!! PARABÉNS!!!


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.