Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Do Tabuleiro para a Quadra: O Xadrez Humano

 

25/10/2010

Autor e Coautor(es)
Túlio Campos
imagem do usuário

BELO HORIZONTE - MG ESCOLA DE EDUCACAO BASICA E PROFISSIONAL DA UFMG - CENTRO PEDAGOGICO

Amanda Fonseca Soares Freitas

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Educação Física Atitudes, conceitos e procedimentos: esportes, jogos, lutas e ginásticas
Ensino Médio Educação Física Jogos: Projetos de formação dos alunos
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Novos conhecimentos a respeito do jogo de xadrez.
  • A encenar os “movimentos” das peças e ao mesmo tempo o jogo propriamente dito, interagindo com os colegas, com o espaço e com os materiais.
  • A coordenar diferentes movimentos com o corpo, buscando encontrar novas estratégias de jogo.
Duração das atividades
3 aulas de 50 minutos - Total 150 minutos
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não é necessário nenhum conhecimento prévio para que o aluno possa desenvolver a aula.

Estratégias e recursos da aula

Atividade 1: Conhecendo o jogo de xadrez

Recursos: Vídeos

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Descrição: Como introdução ao tema e proposta inicial, o(a) professor(a) exibirá os vídeos relacionadas ao jogo de xadrez. Peça bastante atenção dos alunos nesse momento, pois os vídeos demonstram aspectos importantes do funcionamento do jogo.

Vídeos:

http://www.youtube.com/watch?v=aVHjaC0I3mk (Acessado em 12/09/2010).  

Regras e Funcionamento do Jogo.

http://www.youtube.com/watch?v=0VeT9EWEH3k&feature=related (Acessado em 12/09/2010).  

http://www.youtube.com/watch?v=Dtb65TKTn8w&feature=related (Acessado em 12/09/2010).  

http://www.youtube.com/watch?v=5mEhiPoli3Y&feature=related (Acessado em 12/09/2010).  

http://www.youtube.com/watch?v=PwRQ7BvA-4k&feature=related (Acessado em 12/09/2010).      

No momento em que os vídeos forem exibidos, destaque questões relacionadas às regras, o espaço do jogo e a forma de jogar, podendo ser feitas ponderações referente aos movimentos das peças e suas funções. Provavelmente, surgirão questões colocadas pelos(as) alunos(as) a respeito do jogo. Aproveite este momento para enriquecer a exposição dos vídeos.

O(a) professor(a) poderá exibir algumas imagens relacionadas ao Jogo de Xadrez:

 Fonte: http://4.bp.blogspot.com/_06sBvGKzT-o/RvlWXvKKgxI/AAAAAAAAAyQ/4Th2uhVUk6I/s1600-h/xadrez.jpg (Acessado em 12/09/2010). 

     Fonte: http://www.fiemg.org.br/Default.aspx?tabid=5400 (Acessado em 12/09/2010)

Atividade 2: Conhecendo as peças e seus movimentos durante a partida 

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Recursos: Texto contendo informações a respeito do jogo de xadrez, tabuleiro e peças. Caso seja difícil o acesso as peças e tabuleiro, o(a) professor(a) poderá propor a construção de peças com cartolina. Esta pode ser uma atividade previamente planejada dentro do conteúdo proposto ao longo do ano.

Descrição: Nesta atividade divida a turma em grupos. Cada grupo terá em mãos um tabuleiro, peças e o texto sugerido abaixo: Movimentos das peças Cada tipo de peça tem um valor e um movimento diferente. Os movimentos de cada peça são:

  • Rei: move-se para todas as direções pela vertical, horizontal ou diagonal, mas apenas uma casa por lance.
  • Dama ou Rainha: é a peça mais poderosa do jogo, uma vez que seu movimento combina o da torre e o do bispo, ou seja, pode mover-se pelas colunas, fileiras e diagonal. Em termos de valor, não é comparável a nenhuma outra peça, a não ser a dama adversária.
  • Bispo: move-se pela diagonal, sendo que nunca poderá mudar a cor das casas em que se encontra, uma vez que movendo-se em diagonal, não lhe é permitido passar para uma diagonal de outra cor. O valor do bispo é considerado ligeiramente superior ao do cavalo, todavia, dependendo da posição no tabuleiro, nem sempre será vantajoso trocá-lo por um cavalo oponente.
  • Cavalo: movimenta-se em "L" no tabuleiro (duas casas na mesma direção e uma para um lado ou para o outro). O cavalo é a única peça que pode pular sobre as outras, tanto as suas quanto as adversárias, como indo, por exemplo, desde a casa g1 para a casa f3 nos primeiro lances. Comumente se diz que o cavalo move-se "uma casa como torre e uma casa como bispo".
  • Torre: movimenta-se em direção reta pelas colunas ou fileiras. A torre é considerada uma peça forte, tendo mais valor que bispo e cavalo.
  • Peão: movimenta-se apenas uma casa para frente e captura outros peões e peças em diagonal. Caso uma peça ou peão fique na frente do peão, será impossível movê-lo. Somente se alguma peça adversária fique na sua diagonal acima, ele poderá capturá-la e mudar de coluna. No primeiro movimento de qualquer peão, ele poderá mover-se uma ou duas casas, a critério do enxadrista. Ao contrário das outras peças, o peão não pode mover-se para trás.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Xadrez (Acessado em 12/09/2010) 

Cada grupo irá mover as peças no tabuleiro de acordo com as funções de cada uma. Professor(a), nesta atividade circule nos grupos e auxilie-os nesta tarefa.

Imagem das peças do Xadrez:

Peças na ordem da esquerda para direita: Peão, Bispo, Rainha, Rei, Cavalo e Torre.

Fonte: http://br.olhares.com/pecas_de_xadrez_foto118286.html (Acessado em 12/09/2010) 

Atividade 3: Entendendo como funciona o jogo 

Recursos: Peças e tabuleiro de xadrez

Duração: Aproximadamente 30 minutos

Descrição: Nesta atividade, permanecerão os mesmos grupos da atividade anterior. Cada grupo jogará partidas de xadrez, afim de se familiarizarem com os movimentos das peças. Para auxiliar os alunos nesta tarefa o texto abaixo explica como funciona o jogo. Distribua cópias para os grupos e circule entre eles para auxiliá-los.

Como Jogar

A cada vez um jogador faz um movimento. As peças têm movimentação diferenciada, o que faz com que tenham valores diferentes.

  • Captura: se dá por substituição; uma peça que tomar o lugar de uma peça adversária a terá capturado; a peça capturada sai do jogo; não é permitido capturar uma peça da sua própria cor.
  • Xeque: quando o rei é ameaçado, está em xeque; se não tiver defesa, é xeque-mate e final de partida. A defesa contra um xeque pode ser de três tipos: mover o rei, capturar a peça que está dando xeque ou colocar uma peça entre a peça que está dando xeque e o rei (a não ser que seja um cavalo, pois ele pode saltar sobre as outras peças).
  • Roque: um movimento especial em que o rei avança duas casas na direção da torre e a torre salta por cima do rei. Pode ser feito com qualquer uma das duas torres, mas para isso é preciso que nem o rei nem a torre tenham ainda se movido. Além disso, é proibido fazer roque quando se está em cheque.
  • En passant: assim que um peão avança duas casas, se ele parar ao lado de um peão adversário, o peão adversário pode capturá-lo avançando em diagonal, como se o primeiro peão tivesse avançado apenas uma casa e não duas.  
  • Final de Partida Se um jogador der xeque-mate no outro, ele vence. Se um jogador não puder mover nenhuma peça mas não estiver em xeque, a partida é considerada empatada. Se um jogador não tiver material suficiente para dar xeque-mate no outro (pelo menos uma dama ou uma torre ou dois bispos ou um bispo e um cavalo ou um peão, que possa ser promovido), também é empate. Ainda é possível que, em qualquer momento do jogo, os dois jogadores de comum acordo considerem a partida como empatada. Um jogador que achar que não tem mais chance, pode abandonar a partida, dando a vitória ao adversário.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Xadrez#Fases_da_partida (Acessado em 12/09/2010) 

Atividade 4: O Xadrez Humano 

Recursos: Giz  (desenho do tabuleiro no chão)

Duração: Aproximadamente 50 minutos.

Descrição: Nesta atividade proponha a formação de duas equipes contendo 17 jogadores cada. Cada equipe deverá eleger um jogador chave, que conduzirá e orientará o movimento das peças humanas durante o jogo. Caso a turma não possua o número suficiente de jogadores utilize cones. Faça o desenho do tabuleiro de xadrez no espaço da quadra utilizando o giz. Preencha os quadrados que correspondem a cor preta do tabuleiro com o giz branco ou com outra cor.

O jogador chave distribuirá seus jogadores no tabuleiro de acordo com a função de cada peça que desempenharão no jogo. Para tal é importante que nas atividades anteriores os alunos tenham compreendido o funcionamento básico do jogo e a função de cada peça. Ao iniciar a partida cada jogador chave irá orientar os demais jogadores de sua equipe conduzindo-os pelo espaço do tabuleiro. No decorrer da partida será permitido aos jogadores que desempenham os papéis das peças ajudarem o jogador chave de sua equipe.

 Xadrez Humano. Fonte. http://xadrez-tocantins.blogspot.com/2009_09_01_archive.html (Acessado em 12/09/2010) 

Possibilidades de Ampliação:

Quanto ao Espaço: As atividades podem ser realizadas em qualquer espaço que permita a marcação do espaço proposto nas atividades 4.

Quanto ao Material: Caso fique inviável a aquisição dos tabuleiros e as peças de xadrez, o(a) professor(a) poderá acrescentar no plano de aula uma atividade propondo a construção de peças ou imprimindo peças verticais, como sugerido no site abaixo: http://sites.google.com/site/edukabrinke/xadrez-peca-vertical (Acessado em 12/09/2010). 

Recursos Complementares

O site abaixo dá acesso ao jogo do xadrez online:

http://clickjogos.uol.com.br/Jogos-online/Esportes/Xadrez/ (Acessado em 06/09/2010)

Avaliação

Professor(a), no momento em que os alunos estiverem realizando as atividades propostas, faça as seguintes indagações: Os(As) alunos(as) estão envolvidos com o tema? O que acharam dos vídeos? Que comentários fazem? Eles estão interessados, fazendo perguntas e colocando questões, sugerindo outras formas de realizar as atividades? Eles entenderam as regras e as funções das peças do jogo de xadrez? Conseguiram realizar o jogo? Criaram estratégias e novas formas de jogar? Os grupos se ajudaram? Já tinham vivenciado o jogo? Eles relataram o que aprenderam? Exploraram as possibilidades de criar ações e atitudes que o jogo permite? dentre outras.

Ao final da aula, o(a) professor(a) realizará uma roda com os(as) alunos(as) e poderá discutir como foi sua proposta. Pergunte: O que aprenderam? O que foi fácil e/ou difícil? Que atividades foram mais interessantes? Como foi desempenhar o papel das peças de xadrez? Qual(is) gostaria(m) de jogar novamente? Peça sugestões para a aula posterior. Utilize os relatos para (re)planejar e (re)organizar seu projeto/plano de aula a respeito do conteúdo ministrado.

Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 3 classificações

  • Cinco estrelas 1/3 - 33.33%
  • Quatro estrelas 2/3 - 66.67%
  • Três estrelas 0/3 - 0%
  • Duas estrelas 0/3 - 0%
  • Uma estrela 0/3 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • lucimar, cel João Anastácio de Queiroz , Pará - disse:
    lucimardaluzlima@yahoo.com

    09/01/2013

    Cinco estrelas

    criativo e encantador as aulas, vou praticar para diferenciar e fazer a diferença com os alunos do mais educação de minha escola .


  • Fernanda Aguiar Araújo, Escola Dom Bosco , Mato Grosso do Sul - disse:
    fernanda.aguiar27@gmail.com

    21/11/2012

    Quatro estrelas

    Ótima sugestão para desenvolver o raciocínio dos alunos, e ao mesmo tempo trabalhar com atividades físicas. Um boa forma de que todos se envolvem em um mesmo jogo.


  • volmar doring, EEEF Bandeirantes , Rio Grande do Sul - disse:
    volmardoring@gmail.com

    22/05/2012

    Quatro estrelas

    Gostei de ver! Estou procurando novidades para incrementar o ensino de xadrez em sala de aula. Já tinha ouvido falar no xadrez humano. Vou copiar.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.