Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


DIVERSIDADE MUSICAL INTERFERE NA VIDA DAS PESSOAS?

 

17/01/2011

Autor e Coautor(es)
Gláucia Costa Abdala Diniz
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Fátima Rezende Naves Dias, Liliane dos Guimarães Alvim Nunes, Lucianna Ribeiro de Lima

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Inicial Ética Respeito mútuo
Ensino Fundamental Inicial Ética Diálogo
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  1. Compreender que a música é uma forma de expressão que contribui para a formação ética, socioafetiva e cultural do cidadão.
  2. Listar os gêneros musicais que conhecem e compartilhar informações sobre eles.
  3. Identificar os gêneros musicais de acordo com suas respectivas características.
  4. Reconhecer as possíveis interferências da diversidade musical na vida das pessoas.  
Duração das atividades
Quatro aulas de 50 minutos.
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

É facilitador para o desenvolvimento da aula que os alunos tenham noções básicas de leitura, interpretação, escrita e informática.

Estratégias e recursos da aula

Palavras iniciais ao professor:

O ensino de música em escolas públicas e particulares de todo o Brasil deverá ser inserido na grade curricular até 2011, onde será cumprida a exigência da lei nº 11.769, que determina que o ensino de música deve ser conteúdo obrigatório na Educação Básica. Esse ensino integrará as aulas de artes. Ele ajuda na democratização do acesso à arte e fortalece a cultura nacional, possibilitando aos alunos conhecer e interagir com as diversas formas de músicas, além de preservar raízes culturais (Fonte: 

http://musicanaescolaportal.wordpress.com/ ).  

Evidencia-se, assim, a importância de se trabalhar na escola com a música e a diversidade de gêneros musicais, como forma de conhecimento e aprendizado, contribuindo para o desenvolvimento da criatividade, da sensibilidade, da formação ética, cultural, social e afetiva dos alunos. Nesse sentido, o tema viabiliza a construção coletiva de um projeto interdisciplinar, contando com a participação dos professores das diferentes áreas de conhecimento, buscando integrar os conteúdos curriculares à temática proposta.

Desse modo, cabe ainda esclarecer que além da proposta desta aula, elaboramos outras duas referentes à temática, intituladas: “Estados Brasileiros: gêneros musicais preferidos!” e “Gêneros musicais em sala de aula: preferências dos alunos”, buscando uma articulação entre elas, a fim de contribuir com sugestões diversas relativas ao tema em questão.

Atividade 1:   

A música está em todo lugar?  

Comece a aula apresentando aos alunos a imagem abaixo, para que comentem sobre o que ela leva a pensar:  

Fonte: http://www.colegioinfanta.pt/userfiles/mundo-da-musica(1).gif       

Após ouvir a turma, diga que a partir de agora vão “entrar no mundo da música”, da diversidade musical presente em nosso dia a dia.

Informe aos alunos que no dia 1º de Outubro comemora-se o "Dia Mundial da Música", que foi proposto e celebrado pela primeira vez em 1975 pelo grande músico e violinista Yehudi Menuhin, na época Presidente do Conselho Internacional da Música. Desde então, o dia 1º de Outubro visa à promoção da arte musical em todas as suas vertentes. Nesta data, acontecem diversas iniciativas, mundialmente, que visam divulgar, fomentar e homenagear esta arte tão nobre que é a música.

Fonte: http://www.argoncilhe.rcts.pt/wsbiblioteca/efemerides.htm  

Na sequência, proponha à turma uma atividade de sensibilização para o tema, relacionada à identificação de diferentes sons, por meio de três vídeos. O professor exibirá um vídeo de cada vez. Apresente o 1º vídeo aos alunos, solicitando a eles que fechem os olhos e que ouçam com atenção os sons produzidos, tentando identificá-los. Ao término da exibição, incentive-os a compartilhar os sons identificados. Em seguida, o professor convidará os alunos para assistir novamente ao vídeo 1, a fim de confirmar ou não as suas suposições. Este procedimento deverá ser feito em relação aos outros dois vídeos.   

Vídeos sugeridos:   

Vídeo 1   

http://www.youtube.com/watch?v=2qVt3ZK1Aek&feature=related    Barulho de chuva com sons corporais (coral) – Rain   

Vídeo 2   

http://www.youtube.com/watch?v=bSyqkGUVmNc&feature=related   Galicia: Sons da natureza, sons na cidade, sons da terra 

Vídeo 3

http://www.youtube.com/watch?v=zHtes-R2WwM&feature=related  Sons de animais  

Terminada a apresentação dos vídeos, instigue os alunos a trocar ideias a respeito de questões tais como: Estes diferentes sons podem ser considerados música? Por quê? Podemos dizer que a música está presente em todo lugar?   

O professor de Música poderá ampliar a discussão com os alunos e ainda propor brincadeiras para que eles reconheçam sons diversos no ambiente escolar, descubram outros sons utilizando a voz, o próprio corpo e objetos variados, a fim de aguçar a audição e desenvolver a atenção quanto aos sons que os rodeiam no dia a dia.   

Professor, você poderá complementar a discussão dizendo que alguns autores afirmam que a música está presente em todos os ambientes. Além disso, os sons são notas musicais que muitas vezes passam despercebidos por nós e que são constantes em nossa vida - sons podem vir do carro que passa, do apito da sirene, do vento que balança as folhas, do bebê que chora... Somos afetados por eles sem pensar ou senti-los.

Fonte: http://musica12d.blogspot.com/2007/05/como-msica-interfere-em-cada-um-de-ns.html   

O que é música? O que são gêneros musicais?

Convide os alunos para assistir ao vídeo "Diversidade musical pelos meios de comunicação", disponível no link

http://www.youtube.com/watch?v=sDDZII7xFZc&feature=related    

Dando continuidade, peça aos alunos que troquem ideias sobre o vídeo, de forma crítica, destacando afirmações tais como: “A música é e foi usada como forma de protesto e denúncia”; “Música: um dos maiores meios de se transmitir informação e emoção!”.   

Na sequência, retome com a turma as seguintes perguntas exibidas no vídeo: O que é música para você? Até onde a música te influencia? Acrescente também a seguinte questão: O que vocês entendem por gênero musical? Cada aluno deverá responder a estas perguntas por escrito.   

Prosseguindo, solicite aos alunos que se organizem em grupos, compartilhem e discutam as respostas dadas às questões apresentadas. Logo a seguir, deverão elaborar definições de música e de gênero musical a partir do consenso grupal, registrando-as em um cartaz, que poderá constar de ilustrações correspondentes a estas definições.   

Cada grupo deverá socializar o cartaz produzido, afixando-o no mural da sala de aula.   

Em seguida, o professor distribui a cada aluno uma folha contendo definições referentes à música e gênero musical. Os alunos, com a mediação do professor de sala e dos professores de Música e de Língua Portuguesa, deverão ler as definições, discuti-las e compará-las com as elaboradas por eles, destacando semelhanças e diferenças entre elas.   

Sugestão de definições acerca de música e gêneros musicais:   

“Música vem do grego musiké téchne, a arte das musas. É uma forma de arte que se constitui basicamente em combinar sons e silêncio seguindo ou não uma pré-organização ao longo do tempo”.

Fonte: http://musicanaescolaportal.wordpress.com/    

“A música é a arte de combinar os sons de uma maneira agradável ao ouvido” (J.J. Rousseau, séc XVIII).

“A música passa a ter um caráter de fonte histórica, quando os compositores transmitem através das letras os seus elogios ou indignações sobre determinados fatos históricos”.

Fonte: http://jukebox12.blogspot.com/2006/11/variabilidade-das-definies-de-msica.html    

“A música é uma forma de arte considerada uma prática cultural e humana que se expandiu não só como arte, mas também como forma de conhecimento. Seu ensino nas escolas contribui para o desenvolvimento da criatividade e dos aspectos socioafetivos do aluno”.   

“Música é a organização expressiva dos elementos sonoros e cada um de nós possui uma reação diferente a esses estímulos devido à vivência individual. Através da musicalização, podemos despertar uma linguagem sonora, desenvolvendo a livre expressão e sensibilidade, já que as mesmas estão presentes em todo o ser humano”.   

“A música também pode nos trazer prazer, lembranças, acalmar, entre outros benefícios”.   

“A música está realmente inserida na sociedade como um importante elemento cultural e de conhecimento, capaz de transformar o ser humano na sua individualidade e na sua relação com o coletivo”.   

Fonte: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1518-8.pdf?PHPSESSID=2010011308222591   

“Quando dizemos gênero musical, queremos expressar que tal música possui uma série de características comuns a outras músicas e por isso essas semelhanças são chamadas de gênero”.

Fonte: http://www.portaledumusicalcp2.mus.br/historiamusica/Ritmos_e_Generos_Nacionais/ritmos_e_generos_nacionais.htm    

“Assim como existem várias definições para música, existem muitas divisões e agrupamentos da música em gêneros, estilos e formas. Dividir a música em gêneros é uma tentativa de classificar cada composição de acordo com critérios objetivos que não são fáceis de definir. Quando as características se misturam, subgêneros ou estilos de fusão são utilizados em um processo interminável”.   

“Outra forma de encarar os gêneros é considerá-los como parte de um conjunto mais abrangente de manifestações culturais, sendo comumente determinados pela tradição...”   

“A divisão em gêneros também é contestada assim como as definições de música porque cada composição ou execução pode se enquadrar em mais de um gênero ou estilo e muitos consideram que esta é uma forma artificial de classificação que não respeita a diversidade da música”.   

Fonte: http://www.horrorcrime.com/words_in_a_box/argomenti_generali/music/musica_portoghese_8.asp    

Para saber mais sobre o assunto, acesse o sítio

http://pt.wikipedia.org/wiki/M%C3%BAsica#G.C3.AAneros_musicais  Gêneros musicais (música erudita, popular, folclórica e religiosa).    

Na sequência, como forma de ampliar o conceito de música, com base em definições de filósofos, pensadores e músicos, o professor poderá apresentar o vídeo “Música”, disponível no link

http://www.youtube.com/watch?v=oquJbe3Usf8&feature=related    

Ao final, com a colaboração dos professores, os alunos deverão elaborar uma síntese relativa aos significados atribuídos à música e aos gêneros musicais, registrando-a no caderno.  

Atividade 2   

Gêneros musicais: você consegue identificá-los?    

Exiba a imagem com alguns gêneros musicais e peça aos alunos que listem no caderno quais eles conhecem dentre os apresentados abaixo:     

Fonte: http://macmagazine.com.br/wp-content/uploads/2008/09/22-itunes8-genres.jpg      

Em seguida, solicite que acrescentem a esta lista registrada no caderno, outros gêneros musicais de que se lembram e o que sabem sobre eles. Os alunos deverão compartilhar estas informações entre si.   

Agora, um desafio para toda a turma: Adivinhe, se puder!   

Que gênero musical é este? (O professor deverá ler uma afirmação de cada vez, para que os alunos identifiquem os gêneros musicais de acordo com suas respectivas características. Observe os indícios/pistas e conhecimentos prévios utilizados por eles nesse processo de “adivinhação”. Você também poderá substituir ou acrescentar outros gêneros musicais).   

Sugestões:     

1. Iniciado no final da década de 1960 nos EUA, com letras questionadoras, é uma forma de reagir à violência contra as classes mais baixas e aos conflitos sociais. É uma cultura de rua que deu início ao Breaking e às pinturas de grafites (HIP HOP).   

2. Anualmente é festejado em fevereiro, no carnaval, nascido na Bahia e conhecido no mundo inteiro. Considerado o ritmo mais importante do país, adotado como símbolo nacional e difundido com apoio oficial a partir dos anos 30. Nasceu dos batuques africanos. Seus instrumentos típicos são: Cavaquinho, violão e outros instrumentos de cordas, tamborim, pandeiro, surdo e vários outros instrumentos de percussão (SAMBA).     

3. Começou tímido nos anos 50 e foi “engolido” pela Jovem Guarda. Nos anos 70, deu um salto qualitativo com Rita Lee e Raul Seixas. Nos anos 80, ressurgiu com nomes como Lulu Santos, Paralamas, Barão Vermelho, Titãs e Legião Urbana. É formado na maioria das vezes pelos sons da guitarra elétrica, numa melodia sedutora. Os instrumentos típicos são: Guitarra elétrica, baixo, teclado e bateria. Este gênero se desenvolve em múltiplos subgêneros (ROCK).   

4. No Brasil pode-se dizer que vem da música caipira e moda de viola. Teve origem principalmente no Nordeste Brasileiro e em outros estados como Minas Gerais e Mato Grosso. É considerado caipira por suas origens em zonas rurais, no campo. Instrumentos típicos: viola e acordeão (SERTANEJO).     

5. É um dos subgêneros do samba. É próprio para qualquer festa onde tenha alegria e cantoria. Seus instrumentos típicos são: cavaquinho, banjo, tantã, repique de mão (PAGODE).   

6. Inicialmente designava festa popular movida por vários tipos de música nordestina e animada pela sanfona de oito baixos. Após massiva migração de nordestinos para o Sudeste, converteu-se em um gênero musical que se popularizou em todo o Brasil. Seus principais instrumentos são: sanfona, triângulo, zabumba, podendo apresentar violão, guitarra, baixo, teclado, bateria e outros (FORRÓ).    

7. Fusão de ritmos nordestinos, caribenhos e africanos com embalagem pop-rock. Os instrumentos típicos são: atabaque, ripinique, trombones, trompetes, guitarra, baixo, teclado, bateria e outros. A cantora Ivete Sangalo é considerada uma de suas representantes (AXÉ).   

8. É um estilo de música popular brasileira, influenciado pelo Jazz e pela MPB. Inicialmente era apenas uma maneira diferente de tocar samba, mas depois disso se tornou um gênero muito popular ganhando sua identidade própria. Instrumentos típicos: basicamente violão e piano (BOSSA NOVA).   

9. Teve origem na Jamaica. Geralmente é usado para fazer críticas sociais. Uma curiosidade é que o seu nome surgiu pelo som que a guitarra produz (REGGAE).   

Fontes: http://profnelmar.arteblog.com.br/276442/ALGUNS-GENEROS-MUSICAIS/   

           http://www.ser.com.br/main.jsp? lumPageId=40288081166CAA3001166DFEC859784D&itemId=480F8D7C181A124A0118990A1EFE790B     

Ao final da atividade, os professores de sala e de Música poderão propor aos alunos que pesquisem outras informações e curiosidades relativas aos diferentes gêneros musicais identificados por eles e outros pelos quais demonstrarem interesse. Esta pesquisa poderá ser realizada no Laboratório de Informática da escola, em casa, na Secretaria de Cultura da Prefeitura de sua cidade, por meio da internet, revistas, jornais, dentre outros.   

Posteriormente, abra espaço aos alunos para que compartilhem as informações com a turma, divulgando-as também nos murais da escola.   

Para esta pesquisa, os alunos ainda poderão assistir ao vídeo “Estilos Musicais”, disponível no link http://www.youtube.com/watch?v=HBJPSJ9rgKI&feature=related e ter acesso a interessantes informações sobre o assunto nos sítios abaixo:

http://www.portaledumusicalcp2.mus.br/historiamusica/Ritmos_e_Generos_Nacionais/ritmos_e_generos_nacionais.htm  Gêneros e ritmos nacionais  

http://www.slideshare.net/Aurelio1/gneros-musicais-2677266  Um pouco sobre gêneros musicais  

http://www.lusoafrica.net/v2/index.php?option=com_content&view=article&id=96&Itemid=117  Estilos de Música do Brasil  

Atividade 3   

Diversidade musical: interfere na vida das pessoas?   

Inicie a atividade apresentando a afirmação abaixo e solicitando aos alunos que se posicionem em relação a ela, instigando-os a trocar ideias, a expressar o que pensam sobre a interferência ou não da diversidade musical na vida das pessoas:   

“A música é uma forma de representar o mundo, de relacionar-se com ele, de fazer compreender a imensa diversidade musical existente, sendo que interfere na vida da humanidade...”   

Fonte: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1518-8.pdf?PHPSESSID=2010011308222591   

Após ouvir as opiniões dos alunos, convide-os a assistir ao vídeo "Moda com Música?", disponível no link

http://www.youtube.com/watch?v=jsPAwFk8-qI     

Incentive os alunos a fazer comentários sobre o vídeo assistido e a relatar experiências pessoais ou de pessoas que conhecem, relativas às influências da música em suas vidas.   

Além do jeito de se vestir, de se pentear, de se comunicar e agir perante os outros, podemos pensar sobre outras formas de interferência dos diferentes gêneros musicais em nossas vidas e na vida de outras pessoas. Para refletir sobre esta questão, peça aos alunos que se sentem confortavelmente para ouvir partes de cinco músicas instrumentais, com diferentes ritmos, prestando atenção aos sentimentos desencadeados ao ouvir cada música apresentada no vídeo “Top 5 Best Instrumental Songs”, disponível no link

http://www.youtube.com/watch?v=YE9p6S5N4GY    

Ao término da exibição, abra espaço aos alunos para que expressem os sentimentos e as sensações corporais provocadas por cada música ouvida por eles.   

Em seguida, distribua aos alunos uma cópia adaptada de cada texto sugerido abaixo, para ser lido e discutido de forma crítica por toda a turma, contando também com a mediação dos professores de Língua Portuguesa, Música e Ciências:

Texto 1 - Como a música interfere em cada um de nós...  

A música altera nosso estado de espírito. O corpo reage às vibrações dos sons, são despertadas emoções que interferem no funcionamento de nosso organismo.

Ao longo da história, a música mostra-se presente e influente nas sociedades. Tão antiga quanto o homem, a Música Primitiva era usada para exteriorização de alegria, prazer, amor, dor, religiosidade e os anseios da alma.

Atualmente, a Musicoterapia, a Biodança são trabalhos terapêuticos que utilizam a música como recurso facilitador na expressão e elaboração das emoções. Uma "dieta sonora" pode ser praticada tanto por pessoas com problemas de origem física e emocional, quanto por pessoas que não apresentam nenhum sintoma patológico. Afinal, todos estamos sujeitos ao stress provocado pelo simples fato de vivermos em sociedade!

Sons adequadamente selecionados levam pessoas ao equilíbrio orgânico, mental e a ajustes de comportamento. Músicas em tom menor e ritmos lentos diminuem a capacidade de trabalho muscular.

Acordes ininterruptos baixam a pressão sanguínea e acordes secos e repetidos elevam-na. Ritmos irregulares do jazz e rock causam a perda do ritmo normal de batidas cardíacas. O rock eleva a pressão do sangue e, como as pulsações cardíacas afetam o estado emocional, esse estilo pode provocar tensão. A música suave e os sons harmoniosos são os mais indicados e podem se tornar relaxantes, sedativos ou estimulantes, dependendo do ritmo musical.

Quando o ritmo acompanha a pulsação cardíaca normal de 65 a 80 batimentos por minuto, provoca uma harmonização orgânica e o ouvinte tende a acalmar-se e a relaxar. Se um ritmo musical é mais lento do que os batimentos cardíacos, ocorre certa ansiedade e inquietação, um desejo de acelerar o movimento da música, enquanto que, os ritmos excessivamente rápidos provocam excitação, porque aceleram as batidas do coração.

Assim, podemos perceber o quanto a música é fundamental e como ela está presente em nossas vidas.   

Fonte: http://musica12d.blogspot.com/2007/05/como-msica-interfere-em-cada-um-de-ns.html  (Texto na íntegra). 

Texto 2 - Canções com textos violentos aumentam sentimentos agressivos   

As canções com textos violentos aumentam os pensamentos e sentimentos agressivos e as de tom mais humorístico aumentam a hostilidade, de acordo com um estudo publicado, na revista da Associação Americana de Psicologia.

"Os aumentos nos pensamentos e sentimentos agressivos relacionados às canções violentas têm implicações para a violência no mundo real", disse o principal pesquisador do estudo, Craig Anderson, da Universidade de Iowa. "Os pensamentos agressivos podem influenciar as percepções de interações sociais, colorindo-as com um tom mais agressivo", explicou, acrescentando que "tais interpretações pendentes para a agressão podem, por sua vez, instigar uma resposta verbal ou física, mais agressiva do que a que teria sido dada em um estado não propenso e isto causa uma espiral de violência ascendente".

Fonte: http://musica12d.blogspot.com/2007/05/canes-com-textos-violentos-aumentam.html (Texto na íntegra).    

Professor, para saber mais sobre o assunto e enriquecer as discussões, você poderá acessar os seguintes sítios:  

http://recantodasletras.uol.com.br/artigos/1496893    A Importância da Música  

http://www.fap.pr.gov.br/arquivos/File/Arquivos2009/Pesquisa/Anais2007/IIISimpdemusica/Artigos/A_influencia_da_musica_midiatica_no_gosto_musical_de_um_grupo_de_adolescentes_Priscila_Pereira.pdf  A influência midiática no gosto musical de um grupo de adolescentes

Após a discussão, os alunos poderão confeccionar e ilustrar cartazes intitulados: “Você concorda ou discorda?”, contendo informações retiradas dos textos lidos, que consideram mais polêmicas e interessantes. Afixar estes cartazes em diversos espaços da escola, como forma de incentivar as pessoas da comunidade escolar a refletir e fazer comentários a respeito das influências da diversidade musical em suas vidas.   

Professores e alunos também poderão propor à direção da escola, a realização de Oficinas de Musicoterapia e Biodança a serem ministradas por profissionais da área, abertas à participação da comunidade escolar.   

Recursos Complementares

Professor, sugerimos abaixo alguns sítios de textos/vídeos sobre o assunto, para seu conhecimento ou para acrescentar à aula:

http://www.escolapaulofreire.com.br/hpprof/valeria/importancia_musica.htm  A importância da música na escola    

http://www.ceart.udesc.br/Revista_Arte_Online/abemsul/artigo18.html  Questões sobre música, cultura e educação 

http://www.slideshare.net/Loy87/a-musicalidade-brasileira-2593441  A musicalidade brasileira   

http://www.diogoazevedo.com/2007/03/descubra-musicas-de-acordo-com-o-seu-humor/  Descubra músicas de acordo com o seu humor

http://www.youtube.com/watch?v=vz7hUngSGFk  Diversidade Musical   

http://www.youtube.com/watch?v=vISoyT7Rmmw&feature=related  Diversidade Musical Brasileira 

http://www.youtube.com/watch?v=6kng6VWeviM  Melodia 

http://www.musicao.com.br/noticia.php?c=1&a=2445&t=radiodisneyestanoar  Rádio Disney está no ar. Publicada em 29, Nov/ 2010 por Musicão.    

http://iguinho.ig.com.br/zuzu/radio.html  Rádio Zuzubalândia    

http://iguinho.ig.com.br/jogo-notasmusicais.html  Jogo das notas musicais 

Avaliação

A avaliação deverá ser contínua, processual e diagnóstica durante todo o desenvolvimento da aula: acompanhar e avaliar os alunos nas diferentes etapas do processo de aprendizagem, compreender as estratégias utilizadas por eles na construção do conhecimento e organizar formas de intervenção adequadas às reais necessidades dos alunos e que possibilitem avanços cognitivos.   

Autoavaliação dos alunos (oral ou por escrito): Participação individual e grupal nos momentos da aula propostos pelo professor.     

Avaliação dos alunos pelo professor: Respeito aos momentos de fala e de escuta e às opiniões dos colegas. Envolvimento e participação dos alunos nas atividades propostas. Avaliar se os alunos conseguiram: compreender que a música é uma forma de expressão que contribui para a formação ética, socioafetiva e cultural do cidadão; listar gêneros musicais que conhece e compartilhar informações sobre eles; identificar diferentes gêneros musicais de acordo com suas respectivas características; realizar pesquisas; reconhecer as possíveis interferências da diversidade musical na vida das pessoas; confeccionar cartazes com criatividade; participar das oficinas propostas de forma respeitosa.

Opinião de quem acessou

Cinco estrelas 1 classificações

  • Cinco estrelas 1/1 - 100%
  • Quatro estrelas 0/1 - 0%
  • Três estrelas 0/1 - 0%
  • Duas estrelas 0/1 - 0%
  • Uma estrela 0/1 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.