Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


DESPERDÍCIO DE ALIMENTOS E RESPONSABILIDADE SOCIAL

 

03/02/2011

Autor e Coautor(es)

LUCIANNA RIBEIRO DE LIMA; GLÁUCIA COSTA ABDALA DINIZ; FÁTIMA REZENDE NAVES DIAS

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Inicial Ética Justiça
Ensino Fundamental Inicial Ética Solidariedade
Ensino Fundamental Inicial Ética Diálogo
Ensino Fundamental Inicial Ética Respeito mútuo
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

1) Considerar o desperdício de alimentos como uma responsabilidade social que deve ser assumida pela população.

2) Entender o compromisso de todos, inclusive das crianças na luta contra o desperdício de alimentos.

3) Perceber ações inadequadas da população no que se refere ao consumo e ao desperdício de alimentos.

4) Identificar na escola ações inadequadas no que se refere ao consumo e ao desperdício de alimentos.

5) Sensibilizar-se frente à quantidade de pessoas que morrem ou apresentam condições de saúde muito precárias por falta de alimentos.  

Duração das atividades
Três ou mais aulas de uma hora
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não são necessários conhecimentos prévios

Estratégias e recursos da aula

COMENTÁRIOS INICIAIS AO/A PROFESSOR/A:

Professor/a, sabemos que são altos os índices de desperdício de alimentos no Brasil, o que se configura como uma contradição, uma vez que também identificamos em nosso país um número elevado de pessoas que não têm o que comer. Nesse sentido, faz-se necessário conscientizar os/as alunos/as sobre a importância do reaproveitamento dos alimentos, bem como de ações que evitem o desperdício e promovam a melhor distribuição dos mesmos na população. Essa aula tem o propósito de sensibilizar os/as alunos/as para a seriedade do tema e para o exercício da cidadania.

Atividade 1:

1º Momento: Convidar os/as alunos/as para assistirem ao vídeo: "Ilha das Flores", disponível em:

http://www.portacurtas.com.br/pop_160.asp?Cod=647&exib=5937#

2º momento: Explorar o vídeo com os/as alunos/as a partir das seguintes questões: Quais os sentimentos despertados ao assistir ao vídeo? Você acha que esse vídeo é real? Você acredita que esse lugar "Ilha das Flores" existe mesmo? Você sabia que muitas pessoas passam fome? Você sabia que muitas pessoas se alimentam de sobras de comida do lixo?

3º Momento: Os/as alunos/as deverão observar no horário do lanche ou recreio como são consumidos os alimentos e se há desperdício de alimentos pelos/as alunos/as, professores/as e demais pessoas que estiverem presentes nesse momento.

4º Momento: Professor/a sugere-se que você agende com antecedência um horário com as merendeiras da escola (caso tenha) para que os/as alunos/as acompanhem a preparação dos alimentos por elas no momento anterior ao horário do lanche e após o mesmo ter sido servido. Solicite que observem a quantidade de alimentos desperdiçados e a destinação dos mesmos.

5º Momento: Os/as alunos/as deverão observar o procedimento sem emitir opinião, atentando-se para todo o processo para posterior discussão na sala. De volta à sala, promover a discussão, a reflexão e o registro do que observaram no que diz respeito, principalmente, ao desperdício e reaproveitamento dos alimentos.

Atividade 2:

1º Momento: Convidar os/as alunos/as para assistirem ao vídeo: Desperdício de alimentos, disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=0aptcfDygs4

2º Momento: Após a exibição do vídeo, dividir o grupo em duplas para que leiam a reportagem "Comida jogada fora", disponível em:

http://www.consciencia.net/2003/09/06/comida.html 

3º Momento: Solicitar aos/as alunos/as que em duplas façam um resumo em tópicos sobre as informações divulgadas no vídeo e no texto.

4º Momento: Após a socialização dos pontos elencados, cada dupla deverá propor ações de reaproveitamento de alimentos pela sociedade de uma maneira geral. Essas propostas deverão ser registradas em cartazes  e ilustradas com gravuras para posterior divulgação na escola. Antes da divulgação, agende um horário com o/a diretor/a da escola para que vá até a sala e ouça os resultados tanto das observações feitas pelos alunos, quanto sobre as informações obtidas e propostas elaboradas em relação ao combate ao desperdício de alimentos.   

Atividade 3:

Propor aos/as alunos/as a realização de um Projeto: “Reaproveitando os alimentos”   

1) Objetivos do  projeto:

a) Identificar situações de desperdício de alimentos no cotidiano da escola.

b) Promover a conscientização e aprendizagem das crianças sobre o valor nutritivo contido nas sobras dos alimentos.

b) Oferecer às crianças múltiplas oportunidades de reaproveitamento dos alimentos.

c) Prevenir o desperdício de alimentos tanto no meio escolar, como na comunidade.

2) Participantes: Professores, alunos e familiares

3) Local:  O projeto será realizado na própria escola (sala de aula e refeitório).          

4) Procedimento:

4.1) Propõe-se que a primeira etapa do projeto seja a investigação junto a professores/as da escola sobre o desperdício de alimentos. Para isso, sugere-se a aplicação de um questionário com as seguintes perguntas:

Dados pessoais:

SEXO: (   )M      (   )F

IDADE: ___________

a) Você considera que há desperdício de alimentos em sua casa?

(   ) SIM

(   ) NÃO

b) No que se refere a utilização de frutas e verduras em sua residência, você os aproveita integralmente ou descarta cascas, folhas, ramos, sementes, dentre outros?

(  ) UTILIZA INTEGRALMENTE FRUTAS E VERDURAS

(  ) DESCARTA CASCAS, SEMENTES, SUCO, DENTRE OUTROS

c) Para você, é importante evitar o desperdício de alimentos?

(   ) SIM

(   ) NÃO

d) Por quê? __________________________________________________________________________________________________________________________________

4.2) Categorizar as respostas obtidas por meio dos questionários.

4.3) Sensibilizar a comunidade escolar sobre a importância de se evitar o desperdício de alimentos e de adotar ações de reaproveitamento dos mesmos. Pode-se utilizar os dados obtidos no questionário, bem como a observação feita no horário do lanche e no refeitório, tomando o cuidado de não expor e julgar as pessoas, optando pela sensibilização de todos para a responsabilidade social envolvida nessa ação. Sugere-se convidar um/a nutricionista para dar uma palestra ou oficina sobre formas de se reaproveitar os alimentos e o valor nutritivo dos mesmos. Os/as alunos/as poderão pesquisar na internet e em outros materiais informativos, receitas de pratos que são feitos com sobras de alimentos. Caso não seja possível a participação da nutricionista, pode-se exibir os vídeos a seguir que apresentam dicas sobre o assunto:

Saiba como reaproveitar os alimentos com receitas simples e saborosas , disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=ks3XGSIT7E8

Bolo de banana Coluna Prato Feito, disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=Ho81smfXy_I

Suco de casca de abacaxi e de talo de agrião, disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=PnLobW8zdgE

4.4) Para dar continuidade à sensibilização da comunidade escolar, propor uma atividade para ser realizada no horário do recreio com participação de alunos/as e professores/as interessados, sob orientação do/a nutricionista convidado/a. No mesmo caso, se não for possível a participação do/a nutricionista, sugere-se que se convidem familiares, professores ou as merendeiras da escola que tenham experiência em reaproveitamento de alimentos para conduzir a próxima atividade. A atividade será: "Reaproveitando e saboreando alimentos" . Para essa atividade serão necessários alimentos diversos como: cascas de ovos, frutas e verduras, folhas da beterraba, ramos de cenoura, etc.; utensílios de cozinha e eletrodomésticos como: panelas, liquidificadores, talheres, etc.   

4.5) Sob a orientação do/a nutricionista, os/as participantes serão convidados a produzir pratos diferentes a partir de sobras de alimentos. Caso seja possível a degustação no mesmo dia, sugere-se que se abra a oportunidade aos participantes de usufruirem disso. Não sendo viável, é importante que se agende outro horário para concluir a atividade.   

Observação: Pode-se solicitar que aos/as alunos/as tragam de casa restos de alimentos que anteriormente não eram aproveitados por suas famílias. Ex.: casca de abóbora, rama de cenoura, casca de ovo, dentre outros. Essas sobras poderão ser utilizadas nessa atividade de preparação de farinhas, chás, sucos, vitaminas, complementos alimentares para sopas e leite, dentre outros.

Comentários/as ao professor/a:

Professor/a, espera-se que esse projeto favoreça a conscientização de toda a comunidade escolar em relação ao desperdício e reaproveitamento de alimentos. Isso poderá acontecer por meio da socialização e divulgação dos/das alunos/as sobre o trabalho realizado tanto na escola quanto no ambiente familiar. 

Professor/a acesse o site da "ONG Banco de Alimentos" e você terá oportunidade de conhecer um belo projeto sobre aproveitamento de alimentos para complementar sua aula.

http://www.bancodealimentos.org.br/    

Recursos Complementares

Texto virtual: Educação é base para combater o desperdício de alimentos, disponível em:

http://www.dw-world.de/dw/article/0,,4089940,00.html

Texto virtual: Não ao desperdício de alimentos, disponível em:

http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/atitude/conteudo_419178.shtml

Artigo eletrônico: Desperdício de alimentos: um problema de saúde pública, disponível em:

ftp://www.usjt.br/pub/revint/285_54.pdf

Vídeo: Alimentos reaproveitados, disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=23eNSp6n3bc&feature=related

Vídeo: ONG Banco de Alimentos no Jornal da Record, disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=jQV9ST7Hfzw&feature=related

Avaliação

 Professor/a procure observar se os/as alunos/as puderam identificar diferentes situações na escola e em outros espaços em que se desperdiça alimentos. Pergunte a eles/as se a partir da aula foi possível compreender o compromisso de todos na luta contra o desperdício de alimentos. Identifique se os/as alunos/as se sensibilizaram frente à quantidade de pessoas que morrem ou apresentam condições de saúde muito precárias por falta de alimentos . Como avaliação final, solicite aos/as alunos/as que se reunam em grupos de quatro ou cinco para divulgar o trabalho realizado na escola em seus bairros, em espaços públicos como Centros de Formação Municipais, Igrejas, dentre outros espaços.

Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 6 classificações

  • Cinco estrelas 4/6 - 66.67%
  • Quatro estrelas 2/6 - 33.33%
  • Três estrelas 0/6 - 0%
  • Duas estrelas 0/6 - 0%
  • Uma estrela 0/6 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Luiz da Silva Gouveia, RUY BARBOSA CONSELHEIRO , São Paulo - disse:
    luizsems@hotmail.com

    05/10/2013

    Cinco estrelas

    Muito boa esta aula. Me inspirou de maneira positiva. Parabéns!


  • roseli, não declarado , São Paulo - disse:
    roseli_santana36@yahoo.com.br

    27/04/2013

    Quatro estrelas

    adorei essa aula. È muito importante para os alunos se conscientizarem da importancia de reaproveitar os alimentos, e evitar o desperdicio de merenda escolar.


  • roselane ribeiro, E.M.Professora Hosue Morita Aoki , São Paulo - disse:
    laninharjbarbosa@ig.com.br

    16/02/2013

    Cinco estrelas

    Achei o projeto maravilhoso e interessantíssimo e o aplicarei na minha sal do 2º ano do Ensino Fundamental, esse tema me fascina.Grata pela colaboração.


  • Claudia Simonetti, cien , São Paulo - disse:
    claudia.ro.simoneti@gmail.com

    22/09/2012

    Cinco estrelas

    Sou enfermeira e coordenadora pedagógico. Adorei o seu trabalho, possui informações coerentes, objetivas, que tende a contribuir muito.


  • Aparecida Parlato, Centro Universitário Italo Brasileiro , São Paulo - disse:
    amparlato@yahoo.com.br

    19/08/2012

    Quatro estrelas

    Gostei da aula, bem estruturada e objetiva. Eu acrescentaria que fosse solicitado aos alunos que pedissem aos seus familiares ou responsáveis para mandarem receitas com alimentos possíveis de serem reaproveitados, como estratégia de valorização do saber doméstico, que ganharia aportes por meio do saber escolar e retornaria de forma mais robusta a sensibilizar a criança e os adultos com os quais convivem.


  • Rosalina, EMEF , São Paulo - disse:
    professorarosalina@gmail.com

    29/08/2011

    Cinco estrelas

    Muito interessante este trabalho, estava buscando umas idéias sobre o tema, adorei, vou copiar algumas e adaptar para minha turma. Parabéns e obrigada por partilhar.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.