Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Brasil: meu Brasil brasileiro: multiculturalismo – UCA

 

06/06/2011

Autor e Coautor(es)
ALINE RODRIGUES CANTALOGO
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Denize Donizete Campos Rizzotto, Laís de Castro Agranito, Kellen Cristina Costa Alves Bernardelli, Rones Aureliano de Sousa

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Inicial Pluralidade Cultural Cidadania: diferenças e desigualdades
Ensino Fundamental Inicial Pluralidade Cultural Trajetórias das etnias no Brasil e situação atual
Ensino Fundamental Inicial Pluralidade Cultural Continentes e terras de origem dos povos do Brasil
Ensino Fundamental Inicial História Deslocamentos populacionais
Ensino Fundamental Inicial Pluralidade Cultural Linguagens da pluralidade nos diferentes grupos étnicos e culturais do Brasil
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

Objetivos:

  •   Conhecer um pouco da história da formação do povo brasileiro;

  •   Identificar diferenças culturais, raciais, religiosas e atributos físicos comuns às pessoas;

  •   Compreender e respeitar as diferenças;

  •   Pesquisar dados familiares e montar a árvore genealógica;

  •   Comparar fatores que nos diferenciam ou semelhanças entre os colegas;

  •   Perceber quais são e o que herdamos dos principais povos que formaram o Brasil: índios, africanos e portugueses.

Duração das atividades
Aproximadamente 360 min – 6 atividades de 60 minutos cada uma
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não são necessários conhecimentos prévios sobre o tema, mas é importante que os alunos tenham disposição para discutir sobre a temática. Além disso, faz-se necessário conhecimentos relativos ao netbook como, navegar na internet com o Mozilla Firefoxe filmar e ou fotografar com o WxCam

Estratégias e recursos da aula

Todos

CONTEXTUALIZANDO: OBSERVAÇÕES PARA O PROFESSOR

A Pluralidade Cultural está contemplada como tema transversal dos PCNS _ Parâmetros Curriculares Nacionais_ o principal norteador dos ensinos Fundamental e Médio. Os temas incluem Ética, Meio ambiente, Saúde, Pluralidade cultural e Orientação sexual e aparecem no volume 10 da coleção.

Além disso, a lei 10639/03, que altera a Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, trás a obrigatoriedade de incluir no currículo oficial da Rede de Ensino a temática "História e Cultura Afro-Brasileira” e que o calendário escolar deve ter o dia 20 de novembro como “Dia Nacional da Consciência Negra”.

Posteriormente, a lei 11. 645/08, modifica a Lei no 10.639, de 9 de janeiro de 2003 e a acrescenta a obrigatoriedade de incluir no currículo oficial da rede de ensino a temática “História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena.

Fonte: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11645.htm

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/2003/L10.639.htm

 

1° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

 INSTIGANDO A CURIOSIDADE

Atividades

-Professor, prepare a aula antecipadamente, selecione fotos ou gravuras, retiradas de revistas ou da internet, que mostrem pessoas de diferentes lugares, cor, sexo, peso, altura, dentre outras diferenças que possam ilustrar a diversidade encontrada no Brasil. Procure também fotos que caracterizem outros lugares do mundo, como Ásia e Europa.

- Inicie o tema perguntando o que eles conseguem observar nas gravuras apresentadas. Apresente primeiro as fotos do Brasil, dizendo a origem destas pessoas e, num segundo momento, as fotos de europeus e asiáticos.

-Observe se conseguem perceber a diferença entre as pessoas, a pluralidade existente no Brasil.

- Posteriormente, em rodinha, converse com eles sobre o fato do Brasil ser um país com pessoas muito diferentes e introduza a questão da formação do nosso povo como um dos fatores que geraram essas diferenças.

- Levante as matrizes dessa formação: portugueses, africanos e indígenas e conte um pouco da história, relatando fatos como descobrimento, escravidão, catequização, dentre outros que marcaram o processo de colonização.

- Posteriormente, solicite que olhem uns para os outros e apenas pensem:

  • O que meus amigos têm que se parece comigo?

  • E de diferente?

  • Eles possuem mais aspectos semelhantes ou diferentes?

- Como este é um momento introdutório e de despertar a curiosidade, permita os questionamentos, para que juntos, construam um roteiro para uma pesquisa.

- As questões precisam abranger o que sabemos (hipóteses) sobre o povo brasileiro e o que queremos saber (problematização).

- Divida o quadro em duas partes, uma para cada um dos questionamentos e anote as perguntas que ditarão.

 

Lembre-se: as perguntas sem respostas serão importantes para a criação de hipóteses, dúvidas e motivação para estudo do tema.

 

2° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

UM POUCO DE HISTÓRIA

Introduza este momento com um vídeo que ilustra um pouco do que foi a chegada dos portugueses, primeiros imigrantes ao Brasil e seu contato com os índios. Para isso, a sugestão é a música Pindorama, do grupo Palavra Cantada. Os alunos poderão utilizar seus laptops por meio do Mozilla Firefox [Metasys>Favoritos>Navegador de Internet] para assistirem ao vídeo que está disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=s7nhcOShzYM&feature=related 

(Terra à vista!)


Pindorama, Pindorama,
É o Brasil antes de Cabral!
Pindorama, Pindorama,
É tão longe de Portugal...
Fica além, muito além,
Do encontro do mar com o céu,
Fica além, muito além,
Dos domínios de Dom Manuel.

Vera Cruz, Vera Cruz,
Quem achou foi Portugal...
Vera Cruz, Vera Cruz,
Atrás do Monte Pascoal.
Bem ali, Cabral viu,
Dia 22 de abril.
Não só viu, descobriu,
Toda a terra do Brasil!

 

Observação: a palavra “Pindorama” significa: (em tupi-guarani pindó-rama ou pindó-retama, "terra/lugar/região das palmeiras") é uma designação pré-cabralina dada a regiões que mais tarde, formariam o Brasil. Por extensão de significado, é o nome indígena por excelência desse país sul-americano.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Pindorama

Professor, para ilustrar o período posterior a chegada dos africanos ao Brasil, ou seja, as primeiras etapas de formação do nosso povo, apresente a história “Jeremim em: o príncipe que veio da África”. Disponível em: http://pt.scribd.com/doc/31165550/O-negro-na-Historia-do-Brasil-visto-pelos-quadrinhos o qual poderá ser acessado pelos alunos utilizando o mesmo caminho do vídeo anterior.

- Você poderá também conectar o seu laptop a um projetor multimídia e projetar a história em quadrinhos. Solicite que façam uma leitura coletiva. Se quiser poderá escalar algumas crianças para lerem as falas, ou seja, cada um fará a voz de um personagem. Esta é uma forma lúdica de trabalhar com a leitura, pois é divertido e possibilita uma melhor observação da entonação de voz.

jeremim   jeremim 2

jeremim 3    jeremim 4

jeremim 5    jeremim 6

jeremim 7

 

Após a leitura da história, discuta sobre o que entenderam e solicite que façam um registro no caderno.

 

3° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

AS CONTRIBUIÇÕES DE CADA POVO

Parte da nossa diversidade cultural veio dos processos de descobrimento e colonização. Entretanto, a maior riqueza humana, esta diversidade, aconteceu ao longo de anos e, como principal fator, os novos imigrantes, de todas as partes do mundo que vieram para o Brasil.

O Brasil recebeu um pouco de influência de cada um destes povos, que formaram o Brasil, tão cheio de diferenças que parece que temos muitos Brasis.

Assim, inicie este momento com a música Brasis, de Seu Jorge, disponível, letra e clipe, em: http://letras.terra.com.br/seu-jorge/456889/

Brasis

Seu Jorge

Composição: Seu Jorge/Gabriel Moura/Jovi Joviniano

 

Tem um Brasil que é próspero
Outro não muda
Um Brasil que investe
Outro que suga...

Um de sunga
Outro de gravata
Tem um que faz amor
E tem o outro que mata
Brasil do ouro
Brasil da prata
Brasil do balacochê
Da mulata...

Tem um Brasil que é lindo
Outro que fede
O Brasil que dá
É igualzinho ao que pede...

Pede paz, saúde
Trabalho e dinheiro
Pede pelas crianças
Do país inteiro
Lararará!...

Tem um Brasil que soca
Outro que apanha
Um Brasil que saca
Outro que chuta
Perde, ganha
Sobe, desce
Vai à luta bate bola
Porém não vai à escola...

Brasil de cobre
Brasil de lata
É negro, é branco, é nissei
É verde, é índio peladão
É mameluco, é cafuso
É confusão
É negro, é branco, é nissei
É verde, é índio peladão
É mameluco, é cafuso
É confusão...

Oh pindorama eu quero
Seu porto seguro
Suas palmeiras
Suas feiras, seu café
Suas riquezas
Praias, cachoeiras
Quero ver o seu povo
De cabeça em pé...(2x)

(Repetir a letra)

Quero ver o seu povo
De cabeça em pé...(final 2x)

 

 

 

Professor, cante com eles e problematize a partir  da letra da música, estas são apenas algumas das possibilidades, mas você poderá criar outras:

-O que a música fala sobre o Brasil?

-Tudo é igual no Brasil da música? No Brasil que vivemos é assim ou diferente?

-O Brasil é de quais raças, segundo a letra da música?

Dentre as principais contribuições de cada um destes povos, africanos, portugueses e índios, estão: linguagem, culinária, artesanato e arte, religiosidade e danças  e músicas.

Por isso, após assistirem ao clipe e fazerem à interpretação oral da música, em uma rodinha de conversa, distribua a letra da música e solicite que ilustrem.

Atividades de casa

Para complementar o trabalho e garantir a riqueza deste momento, sugira que pesquisem em casa, com a ajuda dos pais e ou familiares, em seus laptops, as contribuições de cada um destes povos, de acordo com os aspectos já mencionados.

TAREFA DE CASA

PESQUISE, UTILIZANDO SEU LAPTOP E COM A AJUDA DE UM ADULTO, ALGUMAS DAS CONTRIBUIÇÕES QUE AFRICANOS, PORTUGUESES E ÍNDIOS DERAM PARA A NOSSA CULTURA E QUAIS CONTRIBUIÇÕES QUE FAZEM PARTE DO NOSSO DIA A DIA E PERMANECEM ATÈ HOJE.

A PESQUISA DEVE FALAR UM POUCO DOS ASPECTOS: LINGUAGEM, CULINÁRIA, ARTESANATO E ARTE, RELIGIOSIDADE, DANÇAS  E MÚSICAS.

AFRICANOS:

 

 

 

 

 

 

PORTUGUESES:

 

 

 

 

 

 

 

ÍNDIOS:

 

 

 

 

 

 

 

 

4° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

SOCIALIZAÇÃO

Este momento iniciará com a socialização do trabalho de cada um.

E, à medida que as crianças falarem e trouxerem novas informações, anote no quadro.

Isto servirá para que construa um texto coletivo, com a valorização dos conhecimentos apresentados pelas crianças e, além disso, fará o registro da aula.

 

5° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

COMO ESTAS DIFERENÇAS SE APRESENTAM NA SALA

 

Lembrando que a diversidade cultural  em  nosso país não foi formada unicamente por estes povos, mas tendo-os como principais matrizes, este pode ser um momento em que aspectos de outras culturas aparecerão.

Isto porque, começaremos a investigar a nossa turma e as nossas raízes, nossas heranças genéticas e culturais.

Para introduzir o momento, a sugestão é o livro Menina Bonita do Laço de Fita, de Ana Maria Machado. A escolha deste livro foi pelo fato de que, além de trabalhar com as diferenças, ele mostra que esta diferença existe por uma razão, a nossa descendência, a nossas origens, nossa árvore genealógica. Este livro, pode ser facilmente encontrado ou adquirido em bibliotecas públicas, mas como segunda opção, você pode visualizá-lo no sitio: https://picasaweb.google.com/anallm7/MeninaBonitaDeLacoDeFita#5315058348521407746, e páginas seguintes. Monte uma apresentação, com o auxílio do KPresenter  [Metasys, Aplicativos, Ferramentas de Produtividade>Suíte de Escritório>Gerador de Apresentações] , e exiba para os alunos utilizando seu laptop conectado a um projetor multimídia.

menina bonita do laço de fita

Fonte: https://picasaweb.google.com/anallm7/MeninaBonitaDeLacoDeFita#5315058348521407746

Após a contação de história, solicite que reflitam sobre:

- Como é a sua família?

- Com quem você se parece?

- Quem são seus pais?

- E o pai de seus pais?

- E as avós de seus pais?

 

ELABORANDO A ÁRVORE GENEALÓGICA

 

Diga a eles que a organização dos membros de nossa família; nossas origens, de onde viemos, é chamada de árvore genealógica, veja um exemplo no sítio a seguir: http://aprendizesdepalmoemeio.blogspot.com/2009_11_01_archive.html

Mostrar uma imagem de como é uma árvore genealógica, para que possam visualizá-la, visa minimizar as dificuldades em relação à tarefa de casa.

ávore

Fonte: http://aprendizesdepalmoemeio.blogspot.com/2009_11_01_archive.html

 

Atividades de casa

Uma vez que já conhecem o que é uma árvore genealógica, solicite que, com pesquisa e ajuda de seus familiares, montem sua árvore.

Solicite ainda, que façam um desenho para a montagem desta árvore. Isso porque, o desenho possibilitará a inclusão de tios, irmãos ou outros membros importantes naquela família, como padrasto, por exemplo. Mas, enfatize que algumas pessoas, embora importantes em nossa família, não fazem parte das nossas origens e que, por isso, devem ser acrescentadas ao lado.

TAREFA DE CASA

PESQUISE, COM SEUS FAMILIARES QUEM SÃO AS PESSOAS QUE FORMAM A SUA FAMÍLIA E CONSTRUA UMA ÁRVORE GENEALÓGICA.

FAÇA UM DESENHO BEM BONITO PARA REPRESENTÁ-LA.

 

 

 

 

 

 

 

 

6° MOMENTO: APROXIMADAMENTE UMA AULA DE 60 MIN

VALORIZANDO AS DIFERENÇAS: SHOW DE TALENTOS

- Após a socialização das árvores genealógicas e o entendimento do porquê de sermos diferentes, vamos investigar as diferenças de cada um e descobrir como respeitá-la.

- Para isso, solicite que as crianças levem seus netbooks para uma área ampla da escola onde utilizarão a webcam, localizada na área de trabalho ou acessada pelo atalho: [Metasys>Aplicativos>Multimídia>WxCam].

Converse com eles para que pensem em algo que só ele(a) sabe fazer e o que faz de legal.

- Esta atividade consiste em revelar múltiplas diferenças existentes entre os membros do grupo. Mostrar questões onde apresentam mais facilidade, as diferenças positivas, como por exemplo, um com mais facilidade de correr e outro com mais facilidade de cantar.

- Para que eles percebam e valorizem o que o colega tem de diferente, faremos um “show de talentos” e as crianças que não estão apresentando, naquele momento, ficarão responsáveis pelas fotos e filmagens (para isso, defina antes quem fará o que).

- Marque o tempo das apresentações para que todos tenham a oportunidade.

- Leve para o pátio microfones, perucas, óculos e/ou outros acessórios que possam contribuir, pois, para os mais inibidos, a criação de um personagem pode facilitar.

 

Reúna as fotos, selecione as mais significativas e imprima-as, para que possam fazer parte do registro do trabalho. Você poderá fazer um mural e expor as fotos com um breve resumo do que foi trabalhado ao longo das atividades.

Recursos Complementares
Avaliação

A avaliação aqui pretendida é processual e se dará durante todos os momentos. É preciso que se observe o interesse das crianças e, em momentos como a rodinha, se eles conseguem explicitar seu entendimento sobre o tema trabalhado.

 Além disso, a tarefa de casa possibilitará, durante sua socialização, que você observe se eles compreenderam a história da formação do povo brasileiro.

Verifique se os alunos compreendem a importância de respeitar as diferenças entre as pessoas e como é composta uma árvore genealógica. Estas informações devem servir de subsidio para que você possa direcionar o seu trabalho.

Opinião de quem acessou

Quatro estrelas 15 classificações

  • Cinco estrelas 10/15 - 66.67%
  • Quatro estrelas 5/15 - 33.33%
  • Três estrelas 0/15 - 0%
  • Duas estrelas 0/15 - 0%
  • Uma estrela 0/15 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Sidinéa de Araújo Assis, Sagrado , Rio de Janeiro - disse:
    sidineaassis@bol.com.br

    26/06/2014

    Cinco estrelas

    Excelente aula e completa. amei as sugestões dos sites para pesquisas.


  • Meriane Garcia de almeida, CEI Jardim Miliunas , São Paulo - disse:
    gmeriane@yahoo.com.br

    04/10/2013

    Cinco estrelas

    Gostei muito, o tema abordado de forma simples e pratica e com sugestões de atividades que me ajudaram a desenvolver o meu trabalho junto as crianças na sala de aula e também com os pais da comunidade atendida.


  • Aldeci Maria de Jesus, Ecola Etadual Romulo Sales , Minas Gerais - disse:
    aldecimariadejesus1@Yahoo.com.br

    23/09/2013

    Cinco estrelas

    gostei muito


  • socorro castro, ceb , Ceará - disse:
    sansao692009@hotmail.com

    29/06/2013

    Quatro estrelas

    obrigado, tive a oportunidade a oportunidade de correlacionar os meus desenvolvimentos histo.ricos sobre o nosso Brasil


  • Gabriela, Nossa Senhora Auxiliadora , Mato Grosso do Sul - disse:
    gabig_garrido@hotmail.com

    09/06/2013

    Quatro estrelas

    As atividades me deram um norte a seguir no projeto que estou desenvolvendo, sobre as diferenças raciais que tem influência no Brasil...


  • Fabíola, Particular , Rio de Janeiro - disse:
    fabiolaguimaraes44@hotmail.com

    23/02/2013

    Cinco estrelas

    Parabéns!!! Esta ideia é simplismente maravilhosa, uma forma de trabalho divertida e que estimula a curiosidades dos nossos alunos.


  • ROSANGELA MARIA DE SOUZA SILVA, E. E.FERNÃO DIAS( FUND. MÉDIO, PROJETOS) , Minas Gerais - disse:
    rothinha@hotmail.com

    17/11/2012

    Cinco estrelas

    PARABÉNS PELA AULA, PELO TEXTO. ERA TUDO QUE EU PRECISAVA.. ESTOU TRABALHANDO A FORMAÇÃO DO POVO BRASILEIRO. NOTA 10000... BEIJIM.


  • Rita Dorneles, Inglaterra - disse:
    r_dorneles@hotmail.com

    11/10/2012

    Cinco estrelas

    Excelente aula. Dou aulas de Português como língua de herança, e estamos falando da história do Brasil. Sua aula irá me ajudar muito na questão da formação do nosso povo e nossas misturas... Muito bom mesmo, você está de parabéns e OBRIGADA por partilhar com tamanha generosidade o seu trabalho.


  • Gislaine Fernandes dos Santos, CEJA , Mato Grosso - disse:
    gislainegeografia@hotmail.com

    04/10/2012

    Cinco estrelas

    Utilizarei para mediar um trabalho na sala do professor. Amei valeu muito coerente.Parabéns.


  • mauro do carmo alves, Colégio Estadual Governador João Alves Filho , Sergipe - disse:
    allves27@yahoo.com.br

    26/09/2012

    Cinco estrelas

    Muito bom. Parabéns.


  • Adriana Prota, REYNALDO RAMOS SALDANHA DA GAMA PROF EM , São Paulo - disse:
    adri.prota@ig.com.br

    24/07/2012

    Cinco estrelas

    Gostei muito do projeto! Vale a pena utilizá-lo como apoio para meu trabalho em sala de aula. Com certeza será de grande proveito.


  • Eliete Lima, Escola Municipal Dom José Rodrigues , Bahia - disse:
    eliete2307@hotmail.com

    12/06/2012

    Cinco estrelas

    Nossa! Amei! Estou levando agora mesmo para trabalhar com minha turma do 4º Ano. Que o Senhor continue a iluminar sua criatividade!


  • Lucirene, ESC. BATISTA , Tocantins - disse:
    lucirene.lucirene@gmail.com

    13/12/2011

    Quatro estrelas

    Muito interessante. Bem atrativa aos alunos.


  • Roberta Dutra, profa mércia margarida , Minas Gerais - disse:
    dutra.roberta@gmail.com

    03/12/2011

    Quatro estrelas

    Desenvolvi um projeto com meus alunos sobre as influências africanas em nosso cotidiano, e esta aula proporcionou momentos de conhecimento e aprendizado. Parabéns!


  • andreya alves almeida, CENTRO EDUCACIONAL C ANTONIO MATOS FILHO , Bahia - disse:
    dheyaalmeida@hotmail.com

    12/06/2011

    Quatro estrelas

    MUITO BEM ELABORADA, EXPLORANDO OS CONHECIMENTOS NECESSÁRIOS.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.