Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Alimentos transgênicos em nossa mesa: escolha ou falta de opção? - UCA

 

13/09/2011

Autor e Coautor(es)
Lindomar de Oliveira Untaler
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Cláudia Regina M. G. Fernandes, Lérida de Oliveira

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Ciências Naturais Tecnologia e sociedade
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Entender o conceito de transgênicos;
  • Discutir o que se tem abordado sobre os alimentos transgênicos;  
  • Identificar os impasses existentes entre alimentos transgênicos e alimentos orgânicos;
Duração das atividades
3 aulas de 50 minutos cada
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não há necessidade de conhecimentos prévios.

Estratégias e recursos da aula

 Marcador Introdução

Transgênicos são organismos que, mediante técnicas de engenharia genética, contêm materiais genéticos de outros organismos. A geração de transgênicos visa organismos com características novas ou melhoradas relativamente ao organismo original. Resultados na área de transgenia já são alcançados desde a década de 1970, na qual foi desenvolvida a técnica do DNA recombinante. A manipulação genética combina características de um ou mais organismos de uma forma que provavelmente não aconteceria na natureza. Por exemplo, podem ser combinados os DNAs de organismos que não se cruzariam por métodos naturais.

Alimentos Transgênicos são alimentos produzidos a partir de organismos cujo embrião foi modificado em laboratório, pela inserção de pelo menos um gene de outra espécie. Alguns dos motivos de modificação desses alimentos são para que as plantas possam resistir às pragas (insetos, fungos, vírus, bactérias e outros) e a herbicidas. O mau uso de pesticidas pode causar riscos ambientais, tais como o aparecimento de plantas resistentes a herbicidas e a poluição dos terrenos e lençóis de água. O uso de herbicidas, inseticidas e outros agrotóxicos podem diminuir com o uso dos transgênicos, já que eles tornam possível o uso de produtos químicos corretos para o problema. Uma lavoura convencional de soja pode utilizar até cinco aplicações de herbicida, enquanto que uma lavoura transgênica Roundup Ready (resistência ao herbicida glifosato) utiliza apenas uma aplicação.

Texto disponível em http://pt.wikipedia.org/wiki/Transg%C3%AAnese

 

Recursos do laptop utilizados nesta aula:

 Kword [Iniciar -> Aplicativos -> KWord]

Mozilla Firefox [Iniciar -> Aplicativos -> Internet]

 

Marcador atividade 1

Professor, esta atividade tem como objetivo trabalhar a percepção do aluno em assimilar o vídeo e refletir sobre o assunto assistido. O vídeo "A origem dos Alimentos" é um documentário exibido na TV Escola. O vídeo aborda a origem da comida, fazendo um paralelo com os transgênicos. Inclui entrevistas com cientistas, promove a importância da ciência em desenvolver crescentes suprimentos de comida barata e os perigos da contaminação dos alimentos.

 

A História do Alimento

                                    

Vídeo disponível em http://www.megaupload.com/?d=DXFMSA3T ou dividido em partes:

Parte 1 disponível em http://tvescola.mec.gov.br/index.php?item_id=478&option=com_zoo&view=item

Parte 2 disponível em http://tvescola.mec.gov.br/index.php?option=com_zoo&view=item&item_id=478

 

Após assistir o filme, o professor deverá propor aos alunos que façam grupos para a resolução das questões referentes ao filme. Ao término da atividade, esta deverá ser entregue em folha separada ou digitada e enviada para o endereço eletrônico do professor. As resoluções das questões em grupos permitirão que os alunos discutam entre eles a respeito do próprio hábito alimentar. Vale ressaltar que é necessário que o grupo converse e exponha suas idéias até mesmo para repensar a respeito de que maneira o seu hábito alimentar está contribuindo ou dificultando para um desenvolvimento de uma vida mais saudável.

 

Sugestão de roteiro de questionamentos referentes ao filme:

1) Quais são os principais argumentos dos cientistas em relação a defesa dos alimentos transgênicos?

2) Explique a frase: "Os cientistas brincam de ser Deus".

3) Por que muitas pessoas ainda tem resistência em consumir alimentos  transgênicos?

4) Cite 3 diferenças entre alimentos transgênicos de alimentos orgânicos.

5) Como era o milho primitivo? Como ele conseguiu se transformar no milho que conhecemos atualmente?

6) O que é mutação natural? Como acontece?

7) Explique o conceito de Revolução Verde?

8) Defina o que é agricultura de subsistência.

9) Relacione o aumento da população com o aumento da produção de alimentos.

10) Por que a produtividade da agricultura na Índia não contribuirá para melhorar as condições de vida da população camponesa?

11) Qual é a segunda revolução que aconteceu na agricultura? Explique.

12) Qual a importância da Engenharia Genética no cultivo das plantas?

13) A introdução de genes de outros organismos em células de plantas abriu a possibilidade de mudar o modo como a agricultura é feita. Comente sobre este assunto.

14) Qual o papel da Engenharia Genética na agricultura?

15) Como a Engenharia Genética está colaborando para diminuir a fome oculta (anemia) na população?

16) Qual o impasse existente entre Engenharia Genética e a produção de alimentos orgânicos?

17) Você concorda com a utilização da Engenharia Genética na agricultura? Comente.

 

Outra mídia que o professor poderá utilizar para os alunos entenderem melhor sobre o assunto proposto para esta aula é o material do Banco Internacional de Objetos Educacionais que está disponível abaixo. Este material explica de forma simples e rápida a importância do desenvolvimento da engenharia genética para uma maior resistência e produção dos alimentos.

 

Para visualizar é so clicar na na figura.

    

 

 

Marcador atividade 2

Professor, esta atividade tem como objetivo informar o aluno do que se tem abordado a respeito dos alimentos transgênicos. Nesta atividade os alunos também poderão se posicionar e discutir com seus colegas as diversas opiniões e dúvidas que os alunos irão sinalizar. Para realizar esta atividade, os alunos poderão fazer grupo com quatro alunos e se posicionar a respeito dos argumentos listados no quadro abaixo. Logo após o posicionamento, o grupo também deverá indicar na última coluna se os argumentos relacionam com vantagem ou desvantagem da utilização da engenharia genética na produção de alimentos. Cada grupo deverá preencher o quadro abaixo com o posicionamento, o texto deverá ser digitado utilizando no seu Laptop o processador de texto chamado KWord. O KWord pode ser acessado através do Menu K: Metasys -> Aplicativos -> Ferramentas de Produtividades -> Suíte de Escritório -> Processador de Textos. Após a construção do texto, os alunos deverão enviar para o endereço eletrônico do professor ou imprimir e entregar para o mesmo em sala de aula.

 

 
Argumentos veiculados na mídia sobre Alimentos Transgênicos 
Posicionamento do aluno a respeito dos
argumentos listados abaixo
Opinião do aluno se é Vantagens ou Desvantagens a utilização da engenharia genética para a produção de alimento.
                  
1

O alimento pode ser enriquecido com um componente nutricional essencial. Um feijão geneticamente modificado por inserção de gene da castanha do Pará passa produzir metionina, um aminoácido essencial para a vida. Um arroz geneticamente modificado produz vitamina A.

                                                                                                                                                                              
2

O lugar em que o gene é inserido não pode ser controlado completamente, o que pode causar resultados inesperados uma vez que os genes de outras partes do organismo podem ser afetados.

   
3

A planta pode resistir ao ataque de insetos, seca ou geada. Isso garante estabilidade dos preços e custos de produção. Um microrganismo geneticamente modificado produz enzimas usadas na fabricação de queijos e pães o que reduz o preço deste ingrediente. Sem falar ainda que aumenta o grau de pureza e a especificidade do ingrediente e permite maior flexibilidade para as indústrias.

   
4

A uniformidade genética leva a uma maior vulnerabilidade do cultivo porque a invasão de pestes, doenças e ervas daninha sempre é maior em áreas que plantam o mesmo tipo de cultivo. Quanto maior for a variedade (genética) no sistema da agricultura, mais este sistema estará adaptado para enfrentar pestes, doenças e mudanças climáticas que tendem a afetar apenas algumas variedades.

   
5

Aumento da produtividade agrícola através do desenvolvimento de lavouras mais produtivas e menos onerosas, cuja produção agrida menos o meio ambiente.

   
6

Organismos antes cultivados para serem usados na alimentação estão sendo modificados para produzirem produtos farmacêuticos e químicos. Essas plantas modificadas poderiam fazer uma polinização cruzada com espécies semelhantes e, deste modo, contaminar plantas utilizadas exclusivamente na alimentação.

   
7

O alimento pode ter a função de prevenir, reduzir ou evitar riscos de doenças, através de plantas geneticamente modificadas para produzir vacinas, ou iogurtes fermentados com microrganismos geneticamente modificados que estimulem o sistema imunológico.

   
8

Os alimentos transgênicos poderiam aumentar as alergias. Muitas pessoas são alérgicas a determinados alimentos em virtude das proteínas que elas produzem. Há evidencias de que os cultivos transgênicos podem proporcionar um potencial aumento de alergias em relação a cultivos convencionais.

   

 

 Obs.: Os argumentos listados no quadro estão disponíveis no site  http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/alimentos-transgenicos/alimentos-transgenicos.php

Marcador atividade 3

Muito já tem se falado a respeito da Engenharia Genética e principalmente sobre os alimentos transgênicos, porém ainda existem muitos grupos de pessoas que possuem muita resistência a cerca da utilização dos alimentos transgênicos na nossa alimentação. O que parece é que a população não tem um consenso sobre seu uso, muitas das vezes a pessoa já se alimenta desses alimentos modificados geneticamente e não sabem. Baseando-se nisso, proponha aos alunos uma atividade interativa, peçam aos alunos que desenvolvam uma pesquisa na escola a respeito das representações de imagens contra a utilização dos alimentos transgênicos na dieta alimentar da população humana.

Esta atividade tem como princípio desvelar a criticidade dos alunos, bem como colaborar para o desenvolvimento argumentativo e descritivo dos participantes da pesquisa. A pesquisa poderá seguir a seguinte ordem:

1º Em sala de aula deverá surgir grupos com 4 alunos em cada;

2º Após a formação do grupo os alunos deverão discutir sobre as imagens e as estratégias de sua pesquisa;

3º O grupo decidirá quem participará da pesquisa (sugiro que sejam os alunos do 8º e 9º anos, visto que nesses anos de ensino a uma maior compreensão da genética);

4º Elaborar o material impresso, neste caso o quadro abaixo deverá ser disponibilizado para os alunos participantes da pesquisa;

5º Pedir autorização aos professores e aos alunos para realizarem a pesquisa (em média os alunos deverão gastar cerca de 30 a 50 minutos para interpretar, refletir e descrever sobre o material entregue;

6º  Recolher o material e levar para casa ou para a aula do professor que pediu a pesquisa para serem analisadas e tabuladas;

Obs.: Não é necessário identificar o aluno que participou da pesquisa;

7º Após a categorização dos dados, os alunos deverão propor um convite a uma pessoa da sociedade local (pode ser funcionários da escola, pais, líder de bairro, vereadores, convidados de outras localidades que tem leituras sobre o assunto proposto) para ministrar para toda a escola uma palestra abordando as ações que mais apareceram nos dados coletados.

8º Para o dia da apresentação, os alunos deverão apresentar a tabulação dos resultados para toda a comunidade escolar. Esta apresentação poderá ser apresentada em forma de gráficos, tabelas, problemas etc.

 

Quadro para coleta dos dados:

Imagem
Explicação da imagem

http://www.chacaradeorganicos.com.br/tag/transgenicos/page/4/

 ___________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________ 

                                                                                                                                                                   

Manipulação

http://blog.zequinhabarreto.org.br/2008/11/04/estudo-aponta-que-uso-de-insulina-transgnica-gera-distrbios-fsicos-e-doenas/

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

Transgênicos

http://angelobranco.blogspot.com/2011/05/trangenico.html

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

Trangênicos na mão

http://www.nonada.com.br/2011/02/santiago-o-humor-e-a-critica-em-desenho/

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

____________________________________________________

Cartoom transgênicos

http://wipingtheworld.blogspot.com/2011/01/alimentos-transgenicos.html

_____________________________________________________

_____________________________________________________

_____________________________________________________

_____________________________________________________

_____________________________________________________

_____________________________________________________

_____________________________________________________

Experimenta

http://organismosgeneticamentemodificados.blogspot.com/

______________________________________________________

______________________________________________________

______________________________________________________

______________________________________________________

______________________________________________________

______________________________________________________

______________________________________________________

 

Sugestão de leitura:

 

 

 

Recursos Educacionais
Nome Tipo
Biotecnologia vegetal: introdução Animação/simulação
Recursos Complementares
Avaliação

A avaliação é um dos aspectos necessários no processo educativo, neste sentido os alunos poderão ser avaliados de acordo com suas participações nas atividades, bom como em suas produções. É importante também o professor fazer observações individuais e coletivas, objetivando explicitar quais conhecimentos foram efetivamente apropriados pelos alunos. Neste contexto, a avaliação será processual e somativa. Do processo avaliativo, fará parte, ainda, a realização das atividades, da apresentação da pesquisa, e principalmente o envolvimento no grupo para a realização das atividades propostas.

Opinião de quem acessou

Sem estrelas 0 classificações

  • Cinco estrelas 0/0 - 0%
  • Quatro estrelas 0/0 - 0%
  • Três estrelas 0/0 - 0%
  • Duas estrelas 0/0 - 0%
  • Uma estrela 0/0 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.