Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


UCA - Os pronomes relativos e a ambiguidade

 

24/10/2011

Autor e Coautor(es)
Lazuita Goretti de Oliveira
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Eliana Dias

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Língua Portuguesa Análise linguística: modos de organização dos discursos
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Conhecer e identificar os valores sintáticos  e semânticos do pronome relativo.
  • Verificar, por meio de análise de textos, a ambiguidade provocada pela  inadequação do  emprego do pronome  relativo.
Duração das atividades
03 aulas de 50 minutos cada
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
  • Pronomes relativos;
  • mecanismos de coesão referencial e sequencial.
Estratégias e recursos da aula
  • utilização do laptop UCA;
  • utilização de vídeos do youtube;
  • atividades realizadas em grupo ou duplas de alunos;
  • utilização de textos, imagens, anúncios e vídeos veiculados na internet.

Aula 01 (50 minutos)

ambiguidade

Disponível em:

http://www.portugues.com.br/redacao/construcao-textual/a-ambiguidade-como-fator-resultante-emprego-inadequado-dos-pronomes-possessivos.html

Ambiguidade  é a possibilidade de uma mensagem ter dois sentidos. Ela geralmente é provocada pela má organização das palavras na frase. Embora funcione como recurso estilístico, a ambiguidade também pode ser um vício de linguagem que decorre da má colocação de uma palavra na frase. Nesse caso, deve ser evitada, pois compromete o sentido do texto. Nesta aula, será abordada a ambiguidade pelo emprego inadequado dos pronomes relativos.

Atividade

I - Para apresentar o tema da aula aos alunos, o professor deverá distribuir a eles a cópia dos anúncios abaixo.

A.

 

Disponível em:

http://mixpp.blogspot.com/2010/03/ambiguidade-engracada.html

II- A respeito do anúncio da Chevrolet, o professor deverá perguntar aos alunos: 

1.  Ambiguidade   é a possibilidade de um enunciado apresentar dois  sentidos.

a. Há ambiguidade na fala de Cebolinha? Explique.

b. Que palavra apresenta dupla  interpretação? Por quê?

2.  Se substituirmos a  palavra  celta   por certa o efeito de sentido seria o mesmo? Justifique sua resposta.

3. Geralmente, a ambiguidade é intencional em textos publicitários.  Você concorda com  essa afirmação? Justifique.

B.

Tam

Disponível em:

http://soulcomunicacoes.blogspot.com/2010/05/ambiguidade.html

III -  No anúncio da TAM, há também a possibilidade de dupla interpretação.

1.  A  expressão “alcança as estrelas” pode ser entendida como a possibilidade que a TAM oferece de se   viajar  para vários lugares,  inclusive, para Hollywood,  lugar de artistas famosos.

a. Qual outro sentido é possível depreender dessa expressão?

b. Nesse caso, pode-se dizer que a ambiguidade é intencional? Justifique sua resposta.

2. A ambiguidade na propaganda pode ser um recurso para que o produto anunciado fique na memória do consumidor.

Você concorda com  essa afirmação? Explique.

 

Aula 02 (50 minutos)

Atividade

I – O professor solicita aos alunos que acessem o site abaixo para, em dupla, assistirem ao vídeo sobre ambiguidade.

Disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=R_RjYM4Inss

 

Roteiro para o vídeo:

1. O que significa ambiguidade?

2. Quando a  ambiguidade pode ser proposital?  Em que  gêneros textuais isso ocorre com mais frequência?

3. Explique a ambiguidade na frase:

Ele viu o acidente do carro

 

4. Explique a ambiguidade intencional na frase:

Capacete: quem tem cabeça usa.

 

5. O emprego inadequado do pronome possessivo  pode causar dupla interpretação. Reescreva a frase abaixo, de forma a desfazer a ambiguidade.

O policial devolveu o menino a sua casa

 

6.  Acompanhe no vídeo, a explicação da professora sobre as ocorrências ambíguas no texto seguinte.  Responda as questões  - a  e b – propostas sobre o texto.

Perigo!
Árvore ameaça cair em praça do jardim Independência. Um perigo iminente ameaça a segurança dos moradores da rua Lúcia Tonon Martins, no Jardim Independência. Uma árvore, com cerca de 35 metros de altura, que fica na Praça Conselheiro da Luz, ameaça cair a qualquer momento. Ela foi atingida, no final de novembro do ano passado, por um raio e, desde este dia, apodreceu e morreu.

A árvore, de grande porte, é do tipo Cambuí e está muito próxima à rede de iluminação pública e das residências. "O perigo são as crianças que brincam no local", diz Sérgio Marcatti,  presidente da Associação do Bairro".

a) O que pretendia afirmar o presidente da associação?
b) O que afirma ele, literalmente?
 

Aula 03 (50 minutos)

 

Atividade

I- Os alunos, em dupla, deverão  resolver os exercícios propostos.

1.   As frases abaixo apresentam  ambiguidade, provocada pelo emprego inadequado do pronome relativo.

 - Aponte as duas leituras possíveis para cada uma das frases

 -  Reescreva-as de modo a evitar a ambiguidade.   


a. Estivemos na casa da cidade que foi destruída pelo incêndio.
b. Comi um churrasco num restaurante que era gostoso.
c.  A empregada lavou as roupas que encontrou no tanque.

d. A jovem pegou o estojo vazio da aliança de diamantes que estava sobre a cama.

e. Maria disse à amiga que seu namorado havia chegado.

 

2. Os pronomes relativos o qual, a qual, os quais e as quais são usados com referência a pessoa ou coisa. Desempenham as mesmas funções que o pronome que; seu uso, no entanto, é menos frequente e tem se limitado aos casos em que é necessário para evitar ambiguidade.

 

Reescreva as frases abaixo, eliminando a ambiguidade,  substituindo o pronome relativo que por o qual, a qual, os quais e as quais.

a. Existem dias e noites, que se dedica o descanso e a intimidade.

b.Conhecemos uma das irmãs de Carlos,que trabalha na França.

c. Encontrei um irmão da minha amiga  que morou na Europa.

3. Explique porque as frases abaixo são ambíguas.

a. A preocupação social está presente na obra de Aluísio Azevedo, que busca compreender os elementos determinantes da realidade social.

b.Não conheço o pai do menino que se acidentou.

 

4. Na frase:

Estou fazendo um livro para a editora, que me ocupa o dia todo.

a. Qual é o termo retomado pelo pronome relativo que?

b. Quais são as duas leitura possíveis para esta frase?

c. Reescreva a frase, desfazendo a ambiguidade.

5.  Há algumas palavras propícias para gerar ambiguidade.  Você concorda que o pronome relativo é uma delas? Justifique sua resposta.

Recursos Complementares

1. Para rever os pronomes relativos, os alunos poderão assistir ao vídeo sobre esses pronomes.

http://www.youtube.com/watch?v=aIMJDnsbWp4

2. Para ampliar as informações sobre ambiguidade, os alunos poderão assistir aos vídeos

http://www.youtube.com/watch?v=6C8l0UjQvtU&feature=related

http://www.youtube.com/watch?v=2lF1oK7DCAM&feature=related

Avaliação

Os alunos  poderão ser avaliados pontualmente sobre o tema –Os pronomes relativos e  ambiguidade, a partir das atividades desenvolvidas.  O  professor deverá observar a participação deles durante as atividades realizadas em dupla e em grupo, verificando principalmente se eles conseguiram reconhecer  que a ambiguidade é uma figura de linguagem que ocorre sempre que uma construção sintática apresentar mais de um sentido. Em textos publicitários, por exemplo,  a ambiguidade  pode funcionar como recurso estilístico, mas em outros casos, constitui um vício de linguagem – principalmente, quando se trata  do emprego inadequado dos pronomes relativos.

Opinião de quem acessou

Três estrelas 1 classificações

  • Cinco estrelas 0/1 - 0%
  • Quatro estrelas 0/1 - 0%
  • Três estrelas 1/1 - 100%
  • Duas estrelas 0/1 - 0%
  • Uma estrela 0/1 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Luciana, EEEF PORTO ALEGRE , Rio Grande do Sul - disse:
    profelu.soares@gmail.com

    17/04/2012

    Três estrelas

    Muito boa a aula, mas o vídeo http://www.youtube.com/watch?v=aIMJDnsbWp4 não está mais disponível, que pena.


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.