Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Projeto iniciação científica – Uma lupa na língua – O emprego dos verbos em gêneros discursivos da ordem do relatar

 

25/05/2012

Autor e Coautor(es)
Lazuita Goretti de Oliveira
imagem do usuário

UBERLANDIA - MG ESC DE EDUCACAO BASICA

Eliana Dias

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Fundamental Final Língua Portuguesa Análise linguística: léxico e redes semânticas
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Analisar e produzir  páginas de diário pessoal e blog, considerando as características do gênero e as condições de produção.
  • Analisar o emprego dos verbos e do tempo verbal como um recurso linguístico essencial em gêneros discursivos da ordem do relatar.
  • Verificar, por meio de análise de textos, a função dos verbos na construção de  determinados efeitos de sentidos nos gêneros discursivos – diário pessoal / blog .
Duração das atividades
06 aulas de 50 minutos cada
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
  • Elementos da estrutura narrativa.
  • Tempos e modos verbais, bem como a estrutura formal do gênero carta pessoal.
Estratégias e recursos da aula

 

 

  • utilização do laptop UCA ou tablets;
  • utilização de vídeos do Youtube;
  • atividades realizadas em grupo de alunos;
  • utilização de textos, imagens e vídeos veiculados na internet

interrogação

Disponível em:

http://www.jogoremoto.com/jurisdicoes.php?id=59&pageID=5

Considerando que todos os textos se manifestam sempre por meio de gêneros discursivos, cabe ao professor propor atividades que promovam a ativação do conhecimento de gêneros estabelecidos socialmente e na comunidade discursiva do aluno, por meio de exercícios de análise e reconhecimento das propriedades comunicativas e formais de cada gênero.  O Projeto  de Iniciação Científica, intitulado “ uma lupa na língua” está sendo desenvolvido sob esta perspectiva em que se tomam os gêneros discursivos como elementos desencadeadores  de estudo e reflexão sobre as diversas práticas de linguagem. A presente proposta em que se focalizam gêneros discursivos da ordem do relatar -  faz parte desse projeto maior.  Objetiva-se com este estudo analisar  o emprego dos verbos na construção de  determinados efeitos de sentidos no gênero discursivo – diário.  

 diario pessoal

Disponível em: http://www.diariodenoticia.com.br/o-que-escrever-em-um-diario-pessoal/

 

Atividades

 

1ª etapa: introdução - momento de compartilhar a proposta de pesquisa  com os alunos:

 

Para apresentar o tema da pesquisa aos alunos, o professor conversa com eles a respeito do gênero diário pessoal. Nesse momento, o professor realiza uma sondagem a respeito do interesse dos alunos pelo assunto.

  • Alguém aqui tem/escreve um diário?
  • Quantos?
  • Por quê?

Provavelmente, os alunos tenham o hábito de escrever diários eletrônicos – blogs – versão contemporânea do diário pessoal, resguardadas as devidas diferenças.

 

    2ª. Etapa: momento de mapear os conhecimentos prévios dos alunos sobre o tema

 

1.          Nesse momento, os alunos conversam sobre  o hábito de escrever  diários ou blogs, o que eles gostam de registrar nessas páginas e com que frequência. O professor deve aproveitar o momento para mostrar aos alunos que um diário pode se tornar um documento de grande valor histórico por registrar, por exemplo, o dia-a-dia de uma pessoa  que viveu uma época de guerra, como é o caso do Diário de Anne Frank, amargo testemunho da Segunda Guerra Mundial.

  • O professor deverá contar aos estudantes que, para escapar aos horrores da perseguição nazista, Otto Frank, personagem do livro, escondeu sua esposa e suas duas filhas, Anne e Margot, em um sótão desocupado em Amsterdã por dois anos. Em seu diário, Anne registra as dificuldades e medos das pessoas à sua volta que tentavam viver uma vida normal mesmo confinados no minúsculo sótão, estando todo o tempo sob ameaça de serem descobertos pela Gestapo.
  • Essa informação deve suscitar o interesse dos alunos.

2. Na sequência, ainda com o intuito de chamar a atenção dos alunos para o tema, o professor solicita aos alunos que acessem a página abaixo, para assistirem ao trailer do filme baseado no livro – Diário de Anne Frank.

 Disponível em:

http://www.youtube.com/watch?v=xOv-v_XLlN0

 

annefrank

Fragmento do diário de Anne Frank no dia 10 de outubro de 1942: "Esta é uma fotografia minha, ela mostra como eu gostaria de ficar para sempre. Então eu ainda poderia ter uma chance de ir para Hollywood, mas agora estou com medo, a minha aparência está muito diferente". Amsterdã, Holanda.

Disponível em:http://www.ushmm.org/wlc/ptbr/article.php?ModuleId=10005210

 

Observação:

Professor, para  desenvolver um trabalho interdisciplinar, planeje juntamente com o professor de História, atividades de pesquisa sobre a Segunda Guerra Mundial.

 

 3ª. Etapa: momento de delimitar o tema de pesquisa, visando ampliar o conhecimento dos alunos a respeito do gênero selecionado

 

1. Para retomar com os alunos as etapas para elaboração de  um projeto  de pesquisa – definição do assunto  a ser pesquisado, delimitação do tema; justificativa; objetivos; pergunta de pesquisa, o professor deverá ler com eles o texto “Uma forma possível de se trabalhar com projetos”  de Josué Geraldo Botura do Carmo. Isso fará com que eles se lembrem das etapas de elaboração de um projeto.

Disponível em:

http://www.educacaoliteratura.com.br/index%2049.htm

 

2. O professor retoma a temática com os alunos, para juntamente com eles, definir os passos do projeto de pesquisa, a saber:

Professor: fale sobre a importância de se perceber a função dos verbos e os efeitos de sentido deles nos gêneros da ordem do relatar.

 

a. Delimitação do tema:  o papel dos verbos na construção de determinados efeitos de sentidos em gêneros discursivos da ordem do relatar.  

b. Pergunta de pesquisa: qual é a função dos verbos e do tempo verbal na construção de gêneros discursivos da ordem do relatar? 

c. Justificativa:

  • Para construir a justificativa, o professor deve ir conversando com os alunos de modo que eles participem ativamente da construção dela, que pode ser assim:

    O diário pessoal é um gênero autobiográfico que geralmente apresenta como leitor o próprio autor.  É um registro das vivências e sentimentos de um “eu” face ao mundo que o rodeia, possui, por esse motivo, um aspecto intimista e confidente. Originalmente,  seu objetivo era recordar experiências,  permitir o autoexame, relatar grandes acontecimentos, exaltar qualidades e valores, estimular o aprimoramento pessoal etc.

    Nos dias atuais,  é muito comum escrever diários pensando em divulgá-los ou em publicá-los, o que indica sua maior interação com a esfera pública.  Conhecer os recursos linguísticos mobilizados pelo autor do texto, além das características  estruturais  específicas desse  gênero,  significa refletir sobre a forma de organização e uso da língua em diferentes contextos de produção, o que justificaca esse estudo.

 

c. Metodologia:

Para desenvolvimento da pesquisa, o professor deverá dividir os alunos em grupo de cinco elementos cada. A seguir,  deverá apresentar a eles  algumas páginas de diário para depois serem analisadas pelo grupo. Sugestões de páginas de diários abaixo:

IMPORTANTE:

1. As orientações para a realização de todas as atividades deverão ser detalhadas em um plano de trabalho (etapa 4) elaborado pelos alunos com o auxílio do  professor.

2. As questões que subsidiam as análises estão descritas na etapa 4.

 

Página 01: No diário de Biloca, tudo é registrado: as dúvidas e os prazeres, a família com seus acertos e desacertos, os encontros e desencontros com os amigos, as contradições da escola e da sociedade, os sonhos mais secretos.

Disponível em:http://www.americanas.com.br/produto/279618/livros/infantojuvenil/literaturajuvenil/livro-diario-de-biloca

Cover of: El Diario De Biloca by Edson Gabriel Garcia, Edson Gabriel Garcia, Fatima Andreu

Disponível em: http://openlibrary.org/books/OL13115413M/El_Diario_De_Biloca

                         O DIÁRIO DE BILOCA

            15 DE FEVEREIRO

            Ganhei este diário hoje.

            Mentirinha. Eu ganhei no ano passado, no dia da troca de presentes de amigo secreto. Fiquei superfeliz de ter sido amiga da Dri. Além do diário, ganhei uma pulseira lindérrima. Adorei o diário ... mas só estou começando a escrever hoje porque vieram as férias ... o início das aulas ... Na verdade, não tinha começado ainda por pura preguiça – gostar  de escrever eu até gosto. E prometo, de pés juntos e dedos cruzados, que a partir de hoje não falho mais um dia sequer ... Só se ...

            Espero realmente que aconteçam coisas boas para contar. Se for como o ano passado, cruz credo. Nem gosto de lembrar, mas não consigo controlar a portinha da lembrança, acabo pensando tudo outra vez.  A pior de todas foi mesmo a recuperação que eu peguei em Português. Por pouco, muito pouco, não termino o ano com uma preciosa bomba que certamente iria explodir na minha casa. Ufa, ainda bem que passou, e o que passou, passou. Como diz minha avó: “ águas passadas não movem moinhos”. Se movem ou não movem não quero saber, este ano eu não vou marcar bobeira. Recuperação nunquinha , nunquinha. Vou tirar tudo de letra. Sem ... chega de falar coisa chata. Acho que para começar um diário é preciso coisas alegres, senão dá azar.

                                                                       Biloca

 

 GARCIA, Edson Gabriel. Diário de Biloca. São Paulo. Atual, 1989. p. 1. Série Tirando de letra.

Disponível em:http://4shared.tectonny.com/index.php?search=o-diario-de-biloca-#

 

 

Página 02: Zlata tem onze anos e vive em Sarajevo. Mantém um diário, no qual vai registrando seu cotidiano. Mas a guerra eclode na ex-Iugoslávia e irrompe no diário da menina. As preocupações do dia-a-dia desaparecem diante do medo, da raiva, da perplexidade. O universo de Zlata desmorona.

Disponível em: http://www.americanas.com.br/produto/160600/livros/infantojuvenil/literaturajuvenil/livro-diario-de-zlata-o

 

Quarta-feira, 20 de maio de 1992

Dear Mimmy,

O bombardeio diminuiu. Hoje mamãe se encheu de coragem e também atravessou a ponte. Foi até a casa de vovô e vovó. Lá, encontrou pessoas que não conhecia e recebeu muitas notícias tristes. Voltou desesperada. O irmão dela foi ferido no dia 14 de maio, quando voltava de carro do trabalho. No dia 14 de maio, e ela só ficou sabendo hoje — é terrível. Foi ferido na perna e está no hospital! Como ir até lá? O hospital, hoje, parece estar no fim do mundo. Insistiram com mamãe que o irmão está bem, mas ela não quer acreditar e fica chorando. Se pelo menos parassem de atirar, ela poderia ir até lá. "Só acredito vendo", disse ela.

Zlata

Disponível em: http://pt.scribd.com/doc/30395686/O-diario-de-Zlata

Página 03:

Quinta-feira, 21 de maio de 1992

Dear Mimmy,

Hoje mamãe foi ver tio Braço. Ele está vivo. É o que importa. Mas está gravemente ferido. No joelho. No mesmo dia em que foi ferido, duzentas outras pessoas foram levadas para a clínica. No começo acharam que ia ser preciso amputar, mas o doutor Adnan Dizdar (que é cirurgião), amigo dele, reconheceu-o; afastou a ideia de amputar e levou-o para a sala de cirurgia. Foram quatro horas e meia de cirurgia e os médicos dizem que a operação foi bem-sucedida. Só que vai ser preciso que ele fique muito, mas muito tempo deitado. Está com pinos, gesso e todos os tipos de aparelhos na perna. Mamãe está muito preocupada, está triste. Vovô e vovó também (é o que diz mamãe, pois não os vejo desde 12 de abril, a última vez que saí de casa). Tio Braço teve sorte em sua desgraça. Espero que dê tudo certo. Aguente firme, tio Braço!!!

Sua Zlata

Disponível em: http://: http://pt.scribd.com/doc/30395686/O-diario-de-Zlata

 

4ª etapa:

  

Momento em que os alunos a partir de um plano de trabalho, com a mediação do professor, deverão fazer as atividades e buscar informações sobre o tema.

 

 

Nesse momento, o professor deverá orientar os alunos na elaboração de um plano de trabalho, estabelecendo as ações a serem realizadas pelo grupo. Sugestão abaixo:

 

Plano de trabalho

ATIVIDADES DE PESQUISA

 

Assunto

Fontes de pesquisa

 

Características do gênero diário pessoal

 http://www.slideshare.net/7fibn/lp-caractersticas-do-dirio

 

 

2. O que é um Blog

 http://www.techtudo.com.br/artigos/noticia/2011/12/o-que-e-um-blog.html

 

 

ATIVIDADES DE ANÁLISE

 

Leitura  e análise das páginas de diário

 

Página 01: Diário de Biloca

 

 

Página 02:  Diário de Zlata

 

 

Página 03:  Diário de Zlata

 

 

ATIVIDADE DE PRODUÇÂO TEXTUAL

 

1 Produção de uma página de diário para ser postada no Blog da turma, ou no Blog individual.

 

 

2. Redação final do projeto.

 

 

Observação 1: questões para orientar a análise das páginas de diário de Biloca e de Zlata.

 

1.  Em um diário, geralmente  relatamos fatos de nosso cotidiano.

a. O que um adolescente costuma  registrar em seu diário?

b.  O que Biloca registra em seu diário?

2. O livro, “O  diário de Zlata – A vida de uma menina na guerra”, foi publicado na década de 1990 e narra os horrores da guerra, na Bósnia, vivenciados pela autora.

a. Por que o diário de Zlata é diferente do diário e Biloca?

3. Considerando que o diário é um gênero que tem como leitor o próprio autor,  explique porque o  diário de Zlata  se tornou público.

4. Compare as páginas de diário – de Biloca e de Zlata.

a. As páginas de um diário costumam ser datadas. As páginas analisadas apresentam datas?

b. Por que é importante escrever a data  quando se escreve um diário?

c. Geralmente o diário é dirigido a alguém real ou fictício. A palavra ou expressão que nomeia essa pessoa é chamada de  vocativo. Além do vocativo, um  diário pode conter a assinatura do autor. Isso ocorre com as páginas analisadas?

d. Qual é a variedade linguística empregada nessas páginas? Justifique.

e.A linguagem usada por Biloca é formal ou informal? Justifique com passagens do texto.

5. Faça um levantamento dos verbos empregados nas páginas de diário em estudo.

a. O tempos verbais empregados são os mesmos  em todas as páginas? Explique.

b. Explique o papel dos verbos no presente do indicativo  em um diário.

b. Observe os verbos empregados nas páginas de diário de Biloca e Zlata.  O relato é feito em que pessoa?

 

Observação 2: orientações  para a produção  de uma página de diário:

 

Cada um dos componentes do grupo deverá produzir uma página de diário, seguindo as orientações seguintes:

  • registre um momento importante que você vivenciou: um passeio com a família, uma festa, o primeiro dia de aula, um animal de estimação, uma amizade nova etc.
  • desabafe, fale de seus sentimentos, das emoções  que os fatos lhe causaram.
  • decida se você quer tornar púbico o seu diário, optando por divulgá-lo no blog da turma ou em seu blog individual. Caso contrário, escolha um colega com quem você tenha mais intimidade e troque seu texto com ele para  leitura.

 

5ª. etapa: finalização do projeto

 

O grupo deverá redigir a síntese  dos estudos realizados sobre o gênero diário pessoal,  apresentando os conhecimentos adquiridos  sobre o tema e respondendo à pergunta de pesquisa, qual seja:

  • Qual é a função dos verbos e do tempo verbal na construção do gênero discursivo diário pessoal?

 

6ª etapa: divulgação dos Resultados

 

- Os alunos deverão apresentar o trabalho no K-presenter UCA ou em tablets, para apreciação dos colegas e professor.

Recursos Complementares

Sugestão de leitura para os alunos:

GARCIA,  Edson  Gabriel. O diário de Biloca. São Paulo: Atual, 1989.

FILIPOVIC Zlata. O diário de Zlata - A vida de uma menina na guerra. trad.: SOARES, Antônio de Macedo; JAHN, Heloísa. Prefácio: SERVA, Leão. SP: Cia das Letras. 1994 

Sugestão de filmes para os alunos:

O diário de Bridget Jones - disponível em locadoras

O diário de Anne Frank

Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=1HkGou9I6bw&feature=related

Avaliação

A avaliação deverá perpassar todo o processo de Iniciação Científica. O professor deverá acompanhar e observar a participação e o envolvimento dos alunos na realização das atividades individuais e coletivas. Na conclusão do estudo, o professor deverá propiciar espaço para os alunos refletirem sobre as ações bem-sucedidas, as dificuldades encontradas, os conhecimentos adquiridos referentes ao tema abordado no projeto. Para a avaliação formal, os alunos poderão ser avaliados por meio da produção de página de diário e pela redação final do trabalho.

Opinião de quem acessou

Sem estrelas 0 classificações

  • Cinco estrelas 0/0 - 0%
  • Quatro estrelas 0/0 - 0%
  • Três estrelas 0/0 - 0%
  • Duas estrelas 0/0 - 0%
  • Uma estrela 0/0 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.