Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Intervenção urbana ou vandalismo?

 

04/02/2010

Autor(es) e Coautor(es)
imagem do usuário

Eziquiel Menta

CURITIBA - PR

SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

imagem do usuário

Juliana Gomes de Souza Dias

CURITIBA - PR

SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

imagem do usuário

ROSANGELA MENTA MELLO

CURITIBA - PR

SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

Eziquiel Menta, Rosangela Menta, Antonio Augusto da Silva Dias Neto

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Médio Artes Arte Visual: Estruturas sintáticas
Ensino Fundamental Final Artes Arte Visual: Apreciação significativa em artes visuais
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula
  • Analisar as manifestações artísticas urbanas;
  • Conhecer as linguagens do grafite;
  • Conhecer mais um grupo de brasileiros de renome internacional na arte do grafite.

Atenção professor! Seria interessante que essa aula fosse articulada com a aula “Grafite é Arte?” que propõem uma discussão sobre o assunto, disponível em: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=576 e com a aula “Arte Marginal” que também propõem uma discussão sobre as manifestações artísticas urbanas, disponível em: http://portaldoprofessor.mec.gov.br/fichaTecnicaAula.html?aula=13169

Duração das atividades
2 aulas de 50 minutos cada
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
  • Conceitos básicos sobre grafite e pixação (opiniões próprias dos alunos).
Estratégias e recursos da aula

Objetivos específicos:

  •  Conhecer as manifestações artísticas urbanas;

  •  Valorizar o uso da linguagem do grafite;

  •  Fazer um vídeo com os grafites encontrados nos arredores da escola.

Prática social inicial do conteúdo:

O professor pode iniciar a aula questionando os alunos se eles sabem qual a diferença entre grafite e pixação. Para instigar a turma o professor pode utiliza o áudio: "Do vandalismo à arte”.

Programa Escola Brasil apresenta um projeto de como transformar pichadores e artistas. (disponível em: http://objetoseducacionais2.mec.gov.br/handle/mec/895)

.

.

Do vandalismo à arte

.

Roteiro de discussão:

  1. O que eles acham do Grafite?
  2. O que acham de pixação?
  3. Se já fizeram alguma pixação?
  4. Se tem algum Grafite preferido? Em que local da cidade?

Instrumentalização:

Aula 01: 6emeia

Depois dessa primeira discussão, o professor deve apresentar os artistas que são tema da aula. O grupo 6emeia. Seguem abaixo algumas imagens:

undefined

Imagem 1

undefined

Imagem 2

undefined

Imagem 3

Imagem 4

Em Recursos Complementares indicamos alguns sites com reportagens publicadas sobre o grupo.

Atenção professor! Enfatize que os artistas buscam referências na história da arte. Isso, entre outros fatos, pode ser considerada uma das diferenças primordiais entre o grafite e a pixação. O grafiteiro tem por trás de suas realizações um planejamento, que em muitos casos busca referências na história da arte.

Ao final dessa aula o professor deve propor aos alunos que se reúnam em pequenos grupos de 3 a 4 alunos que farão uma gravação (um vídeo documentário ou um vídeo arte) com o tema do grafite. Para isso poderão utilizar aparelhos portáteis como câmeras digitais ou mesmo celulares para captar as imagens. Antes de iniciar as filmagens os alunos deverão elaborar um roteiro sobre o tema que será abordado, quais lugares serão filmados, se haverá entrevistas, com quem?, quais serão as perguntas?, etc. O professor deverá decidir com a turma o tempo máximo de duração do vídeo.

Atenção professor! Se possível essa atividade pode começar na primeira aula e se estender para a aula seguinte. Reserve o laboratório de informática para fazer a edição dos vídeos. Indicamos em Recursos Complementares  os softwares para edição do vídeo.

Aula 2: discussão em grupo
Depois de gravados e editados os vídeos, proponha aos alunos uma discussão sobre o grafite e sobre a visão que cada grupo utilizou para criar seu vídeo.

Catarse
Depois da finalização dos trabalhos os alunos deverão fazer uma redação sobre seu processo de aprendizagem: pontos positivos, pontos negativos, dificuldades de aprendizado, influência do conteúdo na prática social, o que mudou em sua visão crítica sobre o grafite.

Prática social f inal do conteúdo
Com base na discussão proposta desde o início das atividades, os alunos deverão elaborar um texto individual contando suas experiências com a pesquisa desenvolvida nessas aulas e também relatos relacionados com o desenvolvimento dos vídeos, bem como a repercussão do blog em âmbito escolar. Propor uma discussão com os demais alunos da escola, envolvendo o Grêmio Estudantil, no sentido que possam perceber a diferença entre Grafitar e Pixar. Na oportunidade procurem estabelecer ações a serem realizadas na escola e na comunidade para valorizar a grafitagem e desestimular a pixação. O professor deverá organizar uma mostra de vídeo para apresentar a comunidade escolar o trabalho dos alunos. Se possível convidar a comunidade para participar das discussões.

Recursos Educacionais
Nome Tipo
Do vandalismo à arte Áudio
Recursos Complementares
  • Indicação de sites:
Avaliação

O professor deverá avaliar:

  • Produções dos estudantes
  • Envolvimento com o tema das discussões iniciais
  • Comprometimento com o grupo na gravação e edição do vídeo
  • Interesse na discussão com os demais grupos sobre o tema proposto
  • Respeito às datas de entrega
Opinião de quem acessou

Cinco estrelas 1 classificações

  • Cinco estrelas 1/1 - 100%
  • Quatro estrelas 0/1 - 0%
  • Três estrelas 0/1 - 0%
  • Duas estrelas 0/1 - 0%
  • Uma estrela 0/1 - 0%

Denuncie opiniões ou materiais indevidos!

Opiniões

  • Luana Gomes Modanez, E.E Jamil Abrahão Saad , São Paulo - disse:
    luamodanez@hotmail.com

    25/09/2014

    Cinco estrelas

    Gostei muito, abrange bem o que queremos passar para os alunos de uma forma mais fácil de assimilar. Parabéns!


Sem classificação.
REPORTAR ERROS
Encontrou algum erro? Descreva-o aqui e contribua para que as informações do Portal estejam sempre corretas.
CONTATO
Deixe sua mensagem para o Portal. Dúvidas, críticas e sugestões são sempre bem-vindas.