Portal do Governo Brasileiro
Início do Conteúdo
VISUALIZAR AULA
 


Bioética

 

01/08/2012

Autor e Coautor(es)
ELISANDRA ANGREWSKI
imagem do usuário

CURITIBA - PR SECRETARIA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

Rosangela Menta

Estrutura Curricular
Modalidade / Nível de Ensino Componente Curricular Tema
Ensino Médio Filosofia Ética
Ensino Médio Biologia Transmissão da vida, ética e manipulação genética
Dados da Aula
O que o aluno poderá aprender com esta aula

Compreender o significado de bioética;

Refletir sobre as polêmicas relacionadas ao tema;

Conhecer algumas controvérsias científicas na história.

Duração das atividades
4 a 5 aulas
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Noções sobre o regime nazista na Alemanha e sobre ética.

Estratégias e recursos da aula

Introdução

 

A ciência e seus desdobramentos técnicos fazem parte do cotidiano das pessoas. A promessa de felicidade, que em outras épocas esteve associada a diferentes forças, não é raro estar, na atualidade, associada à técnica e seus resultados.

Neste contexto é indispensável refletir sobre os procedimentos presentes entre o meio (tecnologia) e o fim (felicidade), e surge, assim, a necessidade de um instrumental que responda adequadamente as questões entre a ciência e os valores (morais).

 

 

Iniciar a aula dividindo a turma em grupos de 4 ou 5 membros e entregar para cada um deles a fotocopia de uma reportagem/notícias que trate de temas como: maus tratos a animais, pesquisas genéticas, eutanásia, extermínio de espécies, transgênicos, etc. Solicitar que os alunos leiam as reportagens/notícias e escolham um orador que deverá socializar com a turma o conteúdo e as impressões do grupo sobre o tema.

 

Sugestões de reportagens


Depois das apresentações o professor deverá lançar a pergunta: Qual área ligada a Filosofia reflete sobre esses temas?


Os alunos colocarão suas opiniões e o professor deverá conduzir o debate explicando que a Bioética é o ramo da filosofia que estuda essas questões. Para dar sequência a essa explicação o professor poderá utilizar um vídeo sobre Bioética.
 

Atividade 1 – O que é Bioética

 

Na sequência o professor deve apresentar o vídeo Multiponto - Bioética [1/4] sobre a definição de bioética solicitando que os alunos anotem no caderno informações que respondam a pergunta: o que é Bioética?

 

Sugerimos algumas opções  para uso do vídeo com a turma

- Baixar os vídeos do YouTube ou de outra fonte, gravar em CD/DVD e assistir na TV ou no computador. Tem um programa gratuito, o VDownloader, que pode ser instalado no computador  para baixar os vídeos na internet e salvar diretamente em diversos formatos. Mais informações no site: http://br.mozdev.org/firefox/youtube. Acesso em: mai 2012.

- Pode-se levar os estudantes ao laboratório de informática ou conectar um computador com internet na TV ou num aparelho multimídia para assistir direto do site.

- Outra opção é gravar o vídeo num pendrive e utiliza-lo numa TV com entrada USB.

 

Roteiro de análise do vídeo:

1- Qual a diferença entre a ética e a bioética?
2- Dentro do campo científico, qual a função dos comitês de ética?

Vídeo:  Multiponto - Bioética [1/4]

Descrição: Este vídeo propõem uma reflexão sobre a complexa relação entre ética e desenvolvimento científico, a partir do olhar de quem trabalha com pesquisas em células-tronco, experiências com animais e produção de transgênicos.

Duração: 8' 19"

FONTE: YouTube. Disponível em: http://www.youtube.com/watch?v=g9Pmavlq1S0, Acesso em jul de 2012.


Depois de passar o vídeo, o professor deverá promover a reflexão sobre as questões propostas no roteiro, conduzindo à percepção de que bioética é uma das formas de ética aplicada, cujo objetivo é tratar das questões relacionadas a valores nas ciências da vida.

Após a compreensão do que é bioética, explicar aos alunos que os problemas éticos envolvendo o trato com a vida em geral não são recentes e nem consensuais, pois existem situações históricas que ainda hoje levantam polêmicas e diferentes opiniões, entre elas a eugenia.


Atividade 2 - Eugenia
 
 

O filme Gattaca – Experiência Genética - se passa em um futuro, talvez bem próximo, em que as técnicas de engenharia genética seriam capazes de orientar a produção de filhos "perfeitos". No entanto, alguns casais ainda seguem o "método tradicional" e deixam que as leis da meiose e da fecundação ao acaso gerem seus filhos, chamados "In-Válidos". É assim que nasce o personagem principal do filme, Vincent, determinado a fazer parte de uma equipe em um voo para Titã, uma lua de Saturno. Para isso, porém, ele tem de esconder sua "identidade genética", já que possui um problema cardíaco sério, que provocará sua morte por volta dos 30 anos.

Neste trecho do filme, os pais de Vincent procuram convencê-lo a aceitar sua situação de inválido. Na sequência, ele tenta uma vaga de emprego, mas nem chega a concluir o processo seletivo, pois sua condição genética pode ser facilmente reconhecida.

Trecho do filme Gattaca – A Experiência Genética.

Descrição: Nesse trecho do filme, os pais de Vincent procuram convencê-lo a aceitar sua situação de inválido. Na sequência, ele tenta uma vaga de emprego, mas nem chega a concluir o processo seletivo, pois sua condição genética pode ser facilmente reconhecida.
  

Duração: 1 min. 41 seg


FONTE: Dia a Dia Educação. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/modules/debaser/singlefile.php?id=16068. Acesso em jul de 2012

Roteiro de discussão do trecho

- Esses procedimentos ficarão restritos às doenças ou as pessoas terão o direito de escolher algumas características de seus filhos?
- É possível haver uma divisão entre os que poderão pagar por esses testes e eventuais cura  e os que não poderão?- Há algum risco de discriminação baseada no código genético de cada um?
- É desejável uma sociedade que controla e determina o que cada um deve querer ou pode realizar? Quem decide esse controle?
- É justo discriminar a partir de "imperfeições" genéticas?
- E qual o critério de perfeição?
Imperfeito é aquele que é "diferente"?
- Será que alguém, para ser feliz, tem de ser "perfeito"?
- É possível imaginar a sociedade vivendo sob essa égide?

(Adaptado de www.aticaeducacional.com.br/htdocs/secoes/atual_cie.aspx?cod=752. Acesso em jul de 2012)

 

Depois do vídeo o professor organizará um debate.

 

Roteiro de ação para o debate

•  Selecionar dois alunos (debatedores) que tenham apresentado interesse e que tenham posições divergentes sobre o tema.

•  Cada debatedor escolhe um colega para auxiliá-lo.

•  O professor será o moderador.

•  Um aluno terá a função de secretariar o debate, anotando no quadro negro os argumentos.

•  O restante da turma (plateia) poderá dirigir perguntas aos debatedores.

•  Antes do debate as carteiras deverão ser dispostas de forma que os debatedores e o moderador assumam lugar de destaque na sala de aula.

•  O moderador inicia o debate apresentando o tema, os debatedores e as normas do evento.

•  Os dois debatedores apresentam seus argumentos sobre a teoria que defendem, bem como, argumentos que refutem a teoria contrária.

•  Depois dessa primeira fase o moderador faz um apanhado geral e abre pra que a classe lance suas perguntas aos debatedores.

•  Para finalizar o moderador consulta a turma sobre a validade dos argumentos e finaliza fazendo uma avaliação sobre o procedimento adotado.

 

Atividade 3 - Investigando

 

Depois do debate, propor a leitura de um trecho do artigo “Delineando fronteiras: reflexão sobre os limites éticos para a aplicação de tecnologias genéticas”, especificamente o item "Argumentos e perspectivas contrários à intervenções genéticas", páginas 62, 63 e 64. Disponível em http://revistabioetica.cfm.org.br/index.php/revista_bioetica/article/view/603/737. Acesso em jul de 2012.


Apresentar os seguintes questionamentos sobre o texto e solicitar que os alunos façam as anotações no caderno:


1. O que é eugenia?
2. Qual a relação entre o nazismo e a eugenia?
3. Quais práticas eugênicas eram realizadas nos Estados Unidos antes mesmo do nazismo na Alemanha?
4. Como se caracteriza o ideal eugenista no Brasil?
5. Qual a relação entre a personagem Jeca Tatu, de Monteiro Lobato, com o ideal eugenista?

 

Sobre a leitura:

- Ao se utilizar um fragmento é importante contextualizar a leitura.
- A leitura pode ser feita a partir de fotocópias entregues aos alunos ou diretamente na web, conduzindo os alunos até o Laboratório de Informática ou ainda, levar para a sala de aula um computador com projetor e projetar a reportagem na parede.
- Solicitar que a leitura seja feita individualmente


Orientar os alunos sobre a produção de um texto dissertativo, de 10 a 15 linhas, a partir de suas anotações, tentando responder as questões levantadas sobre o texto.

Atividade 4 - O caso nazista

Explicar para os alunos que durante o regime nazista ocorreu o que ficou conhecido como eugenia nazista. Uma política social racial da Alemanha Nazista que posicionou no centro dos interesses do governo a melhoria da raça ariana.

Solicitar que os alunos reunidos em grupos (3 ou 4 membros) observem as imagens, as legendas e anotem nos cadernos suas impressões sobre o ocorrido na Alemanha.

Para apresentar as imagens é possível utilizar o recurso multimídia disponível na escola, ou ainda, fotocopiar as imagens e distribuí-las aos alunos.
 

Crianças com deficiência mental vítimas do racismo nazista (Internato de Rosenharz, 1930)

Disponível em http://www.dw.de/dw/article/0,,4059302,00.html. Acesso em jul de 2012.